Conquista: Manifestantes voltam a ocupar as ruas neste sábado (26)


A manhã de sábado (26) começa com vários protestos em toda a cidade. Neste momento um grupo de manifestantes começa a parar o trânsito no centro da cidade, nas imediações do Terminal Lauro de Freitas e Praça 9 de Novembro. Logo mais a partir das 14hs haverá um ato de apoio aos caminhoneiros no cruzamento da avenida Presidente Dutra com a Brumado. Outras manifestações estão sendo programadas.

O Blog do Caique Santos é um dos poucos que está dando cobertura às manifestações em Conquista. A qualquer momento mais informações.

Sintravc descumpre acordo e impede saída de ônibus da Vitória


Mesmo ainda tendo uma pequena reserva de diesel, os ônibus da empresa Viação Vitória ficaram retidos na garagem na manhã deste sábado (26)  por determinação do presidente do Sindicato dos Rodoviários de Vitória da Conquista, Álvaro Souza.

O Sintravc descumpriu o acordo estipulado por ele mesmo no qual se comprometia a aguardar até a próxima terça-feira (29) para que a empresa resolvesse algumas pendências salariais trabalhistas. Por meio de nota, a empresa lamentou a atitude e disse que irá tomar as medidas legais cabíveis para garantir que o que foi previamente acordado com o Sintravc seja cumprido.

Leia a nota emitida para a imprensa:

A Viação Vitória informa que 100% da frota encontra-se retida na garagem da empresa por conta de uma decisão irresponsável da direção do Sindicato dos Rodoviários de Vitória da Conquista, que se antecipou e não respeitou o prazo estabelecido pelo próprio Sintravc de aguardar até a próxima terça-feira, 29 de maio para que a empresa pudesse quitar as pendências salariais com os colaboradores.

Nosso departamento jurídico está tomando as medidas legais cabíveis para garantir o funcionamento da quantidade mínima de ônibus determinada pela lei.

A Viação Vitória tem feito um esforço concentrado nos últimos dias para manter o transporte público funcionando, mesmo com todas as dificuldades causadas pela greve dos caminhoneiros e lamenta a falta de solidariedade da direção do Sintravc com a comunidade conquistense, que assim como todos os brasileiros, está vivendo um momento de crise nacional.

CONQUISTA: População ocupa Terminal Lauro de Freitas


Os protestos dos caminhoneiros ganhou a adesão de estudantes, comerciários e população em geral. Na tarde desta sexta-feira (25) o Blog do Caique Santos foi o único veiculo de comunicação a registrar o início dos protestos. “Estamos aqui por nossa conta, não temos nada a ver com UNE, UBES ou qualquer outro movimento estudantil, somos alunos de diversos colégios”, disse uma estudante que preferiu não ser identificada.

“É uma mobilização de todos, apenas houve uma iniciativa por parte dos caminhoneiros. É uma nação que sofre, uma nação que grita, que não tem ninguém que nos apoie. Quem está nos matando é o governo, esse governo corrupto. não adianta ele usar uma emissora que é a boca dele pra mentir contra uma nação. Venham pra rua, não adianta ficar em casa, venham todos, não fique em casa, mesmo porque o gás vai acabar, a comida vai acabar”, disse Carmem Vieira, comerciante.

Amanhã na avenida integração a partir das 9h haverá uma manifestações das mulheres em apoio aos caminhoneiros.

URGENTE: Estudantes ocupam o Centro de Conquista em apoio aos caminhoneiros


Neste momento simpatizantes da Greve dos Caminhoneiros tomam o Centro da Vitória da Conquista e paralisam o trânsito. Os manifestantes afirmam que vão fechar o comércio e prometem colocar fogo em pneus na BR-116. O clima esquentou após o presidente Temer convocar as Força Armadas para retirar à força os caminhoneiros que obstruem as estradas.

Os caminhoneiros estão orientando aos grevistas que quando a polícia chegar, não façam nada e sentem no chão, em frente aos caminhões com as mãos na cabeça.

Mais informações a qualquer momento.

Conquista: Unidades de Saúde tem funcionamento reduzido


A Secretaria Municipal de Saúde informa que, nesta sexta-feira (25), em virtude da greve dos caminhoneiros e da falta de combustíveis nos postos, as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades de Saúde da Família (USF) da zona rural não vão funcionar.

Já na zona urbana, o funcionamento das unidades vai até as 13h. A Secretaria Municipal de Saúde informa, ainda, que está solicitando ao Ministério Público os encaminhamentos necessários para garantir o abastecimento da frota de veículos que prestam o serviço de atendimento móvel de urgência e emergência, SAMU 192, bem como o abastecimento dos veículos que realizam o transporte das equipes de saúde.

#Greve: Falta gás de botijão (GLP) em Conquista e preço ultrapassa 90 reais


A greve dos caminhoneiros traz outra consequência para Vitória da Conquista: falta gás de cozinha nas revendedoras e em condomínios. O preço em do botijão em alguns estabelecimentos já ultrapassa os 90 reais.

A interdição das principais rodovias brasileiras impede a saída dos caminhões que transportam o gás, seja a granel ou em botijões, das bases de enchimento das distribuidoras até o consumidor final ou até as revendas de gás. Há também veículos que estão parados em meio às estradas bloqueadas, impossibilitados de levar o gás para aquelas bases que não dispõem de dutos que liguem as refinarias às distribuidoras.

[FOTOS]: Motoboys de Conquista se juntam aos Caminhoneiros contra o governo


A cena foi flagrada em frente ao Posto Passarela na Avenida Brumado. Um grupo de motociclistas que desfilavam pelas ruas de Conquista apoiando os caminhoneiros passou fazendo muito barulho e com palavras de ordem.

Uma enorme fila disputava o que resta de combustível. O preço da gasolina no Posto Passarela passou dos 5 reais. Diversos outros postos que ainda possuem estoque estão abarrotados de carros e aumentaram o valor do combustível.

A queda de braço continua entre governo Temer e o movimento dos caminhoneiros que paralisaram as principais rodovias do Brasil.

 

VEJA AS FOTOS FEITA PELO BLOG DO CAIQUE SANTOS:

[EDITORIAL]: Gasolina pouca, meu tanque primeiro


 

(Por Caique Santos)

Dizem que uma imagem vale mil palavras. A foto registrada por um internauta (ainda não identificamos o autor) retrata a corrida alucinada dos motoristas conquistenses pelos últimos litros de gasolina dos postos. A greve dos caminhoneiros, em pouco mais de 48 horas, tem causado um impacto no país que começa, ainda que de longe, lembrar o clima apocalíptico de filmes com enredos sobre um futuro de guerra pelo pouco petróleo que restará no planeta.

Mas petróleo ainda temos. E muito. Mas o preço é alto. E muito. A realidade é que o povão tem custeado com suor e sangue as peripécias de um governo que aparenta não saber como conter a alta dos combustíveis sem danos colaterais. O normal é que sempre que o dano seja para o bolso do brasileiro, afinal, sempre pagamos tudo. Reclamando, mas pagamos.

Temer, do alto do seu 1% de aprovação, pode finalmente cair ou perder a tal governabilidade. Previsões à parte, o fato é que a persistindo a greve, gêneros alimentícios de primeira necessidade, remédios e toda a cadeia que o transporte via estradas brasileiras alimenta, sofrerá uma pane, sacudindo a base e balançando o topo da pirâmide do poder político.

A esquerda comemora e tripudia em cima dos “coxinhas” e “paneleiros” que foram às ruas no governo Dilma contra a corrupção e aumentos da gasolina. Enquanto isso, todos, “petralhas” e “coxinhas” e os que não se enquadram em nenhum destes “times”, sofrem igualmente. Se Dilma não tivesse saído do governo, Temer continuasse como vice e Lula ainda estivesse livre, será que seria diferente?

Uns fazem brincadeiras, outros vociferam, mas apenas os caminhoneiros estão nas ruas, isso é fato.

Um ano político. Uma crise. O que falta para o povo aderir ao movimento dos caminhoneiros?

 

Gasolina chega aos 5 reais em Conquista


Não bastasse o fato dos estoques da maioria dos postos de combustíveis estarem zerados, os poucos que ainda têm gasolina para vender estão abusando. Em Conquista tem posto de gasolina cobrando 4,96 pelo litro do líquido precioso.

A Petrobras reduzirá os preços de diesel e da gasolina nas refinarias a partir desta quarta-feira (23).

O preço médio do litro da gasolina sem tributo nas refinarias é de R$ 2,0867, com alta de 0,90% em relação à média atual de R$ 2,0680. No mês de maio, o combustível acumula alta de 16%. Já o valor médio nacional do litro do diesel subiu para R$ 2,3716, 0,97% maior do que a medida atual de R$ 2,3488. No mês, o produto acumula alta de 9,7%.

Em todo o país caminhoneiros fazem protestos contra a alta dos combustíveis.