Em rede nacional Temer vai anunciar reajuste do Bolsa Família sem falar o percentual


Michel Temer

Em pronunciamento do Dia do Trabalhador em redes de rádio e televisão, às 20h30 desta segunda-feira, o presidente Michel Temer vai anunciar oficialmente o reajuste do Bolsa Família. Segundo governistas, o aumento será acima da inflação, acumulada em 2,95% nos últimos 12 meses. O assunto foi discutido nas últimas semanas com a equipe econômica.

O marqueteiro do presidente, Elsinho Mouco, disse que o presidente vai falar sobre o reajuste do Bolsa família, mas sem cravar o percentual de aumento.

— Escrevemos e gravamos na quinta a quatro mãos, o valor ainda não estava definido — afirmou o marqueteiro.

Na manhã desta segunda-feira, Temer se reuniu com os ministros Esteves Colnago, do Planejamento; Gustavo Rocha, de Direitos Humanos; Moreira Franco, de Minas e Energia; Mansueto Almeida, secretário do Tesouro Nacional; e Dyogo Oliveira presidente do BNDES.

O último reajuste do Bolsa Família foi de 12,5%, concedido em meados de 2016, logo após a posse do presidente Michel Temer. O programa beneficia atualmente 13,8 milhões de famílias, com renda por pessoa entre R$ 85,01 e R$ 170,00 mensais, desde que tenham crianças ou adolescentes de 0 a 17 anos. (O GLOBO)