Operação da Polícia Federal investiga campanha de Rui Costa


Jaques Wagner e Rui Costa (Foto: Secom/GOV)

Alvo de denúncias no âmbito da Lava Jato, a campanha do governador Rui Costa (PT) em 2014 entrou no rol das investigações conduzidas pela Operação Cartão Vermelho, deflagrada pela Polícia Federal (PF), segunda (26), para apurar suspeitas de superfaturamento na obras da Arena Fonte Nova. Segundo a PF, parte da propina ao ex-governador Jaques Wagner (PT), foi paga através de doações para a campanha de Rui registradas na Justiça Eleitoral.

As investigações realizadas até agora apontam que o Grupo Petrópolis, dono da cervejaria Itaipava, fez doações declaradas de R$ 3,5 milhões, a pedido da Odebrecht, para o então candidato petista. A polícia investiga, no âmbito da operação, se mais recursos foram usados para irrigar campanhas na sucessão de 2014.

Wagner nega recebimento de propina e doações ilegais na campanha. A soma integra os R$ 82 milhões que, segundo a PF, foram pagos pela Odebrecht e OAS a Wagner, por meio de superfaturamento do contrato firmado com as empresas para as obras da Fonte Nova. (mais…)

Biometria: 5 mentiras e 5 verdades para quem está irregular com o título


Quem não fez o recadastramento biométrico pagará multa para regularizar a situação?
Mentira. Apenas paga multa o eleitor que deixou de votar em alguma eleição. Quem votou e teve título cancelado por conta do recadastramento biométrico, não pagará multa. “Não tem multa. Na revisão eleitoral [recadastramento biométrico] a penalidade imposta ao eleitor é somente o cancelamento do título. Apenas para os eleitores que não votaram nas últimas eleições e aqueles que foram chamados para serem mesários, mas não compareceram, esses, sim, são passíveis de multa”, explicou o presidente do TRE-BA, o desembargador Rotondano.

Quem deixou de fazer o recadastramento biométrico não poderá regularizar a situação.
Mentira.. Os eleitores que não fizeram o recadastramento nas cidades que estavam em revisão extraordinária terão da próxima segunda (5) até o dia 9 de maio para ficar sem pendências com a Justiça Eleitoral. (mais…)

[VÍDEO] Com gritos de protestos servidores ocupam prefeitura reivindicando direitos trabalhistas


Servidores temporários lotados na Secretaria Municipal de Educação em Vitória da Conquista ocuparam a Prefeitura na manhã desta quinta-feira (01) reivindicando direitos trabalhistas não pagos pela administração local. De acordo com o Sindicato do Magistério, a prefeitura pagou uns em detrimento de outros e ainda com valores diferente, sem explicar o critério utilizado.

“Uma parte recebeu corretamente, outros receberam um valor irrisório, bem menor, e era pra ser o mesmo valor, e tem o outro grupo que vai receber no final de março e está inseguro”, diz Fabiana Porto, funcionária pública temporária.

Segundo os servidores, que trabalharam por 04 anos, a prefeitura informou que pagará os diretos trabalhistas apenas referente aos 425 dias da gestão do prefeito Herzem Gusmão. Em um vídeo que divulgado no Blog do Anderson, a Assessoria Especial do Município, Geanne de Cassia Oliveira Nascimento, afirma que o problema foi deixada pelo ex-prefeito Guilherme Menezes. “O governo anterior deveria ter rescindido o contrato. Lembra aquela questão que disse para o Sindicato que tinha que receber férias gozadas e eles não pagavam? Não pagaram os direitos de vocês a cada janeiro e explodiu aqui no nosso governo. Um débito que não foi a gente que contraiu. Um débito que não é nosso”, disse Geanne, que no governo passado era defensora dos direitos dos professores como presidente do SIMMP.

LEIA A RESPOSTA DA PREFEITURA: 

Nesta quinta-feira (3), a Prefeitura recebeu membros do Sindicato do Magistério Municipal Público de Vitória da Conquista (Simmp). Na ocasião, foi discutido o pagamento da rescisão de contrato de um grupo de servidores temporários vinculados à Secretaria Municipal de Educação. Participaram da conversa, os secretários municipais de Administração, Silvana Alves, e da Transparência, Diego Gomes, e a assessora especial do Gabinete Civil, Geanne Oliveira.
(mais…)

Câmara aumenta a pena para criminosos que explodirem caixas eletrônicos


A Câmara dos Deputados aprovou na tarde dessa quarta-feira (28) o aumento de pena para criminosos que usarem explosivos em furtos ou roubos. A disseminação desse tipo de crime vem tirando o sossego do brasileiro, inclusive em municípios pacatos do interior do Brasil. Explosões a caixas eletrônicas se tornaram freqüentes nos últimos anos, gerando pânico na população e prejuízos a instituições bancárias.

O texto aprovado é um substitutivo do deputado Alberto Fraga, do DEM do Distrito Federal, ao projeto de lei do Senado que trata do assunto. Ele também determina a pena máxima para quem cometer esse tipo de crime que resultar em lesão corporal grave. (mais…)

Concursada não convocada pela Prefeitura faz desabafo


Servidores ocuparam a Câmara de Vereadores em protesto. Foto: Caique Santos

Nossa redação recebeu um texto escrito por Mônica Paixão, uma das concursadas do polêmico edital Nº 01/2013 e que não foi convocada. Apesar da recomendação do Ministério Público para que os aprovados fossem convocados, o Procurador da PMVC, Eracton Sérgio Pinto Melo, alegou que por conta da Lei de Responsabilidade Fiscal a Prefeitura não pode acatar o que o MP quer. O prazo final de convocação do Concurso Público expirou no dia 26 de fevereiro.

No texto, ela relata a decepção com o Ministério Público da Bahia e denuncia o desrespeito aos direitos dos cidadãos. Uma reflexão que vale a pena ler.

Segue o texto na íntegra:

 

Boa Sorte!

Com essa frase que foi encerrado o atendimento ao Inquérito Civil instaurado pelo Ministério Público Estadual acerca das irregularidades denunciadas ao MPE referente servidores da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista que trabalham em desvios de função, inúmeros contratados e comissionados com seus altos salários que culminou na não convocação dos concursados. (mais…)

Novo transporte coletivo: incorporar ou combater? [OPINIÃO]


EDMILSON VAREJÃO NETO

Usuários dividem o mesmo Uber

O Uber lançou na semana passada nova modalidade do seu serviço de transporte de passageiros, o Uber Express POOL. Essa modalidade tem como semelhança ao Uberpool o compartilhamento da corrida entre usuários. A diferença é que, enquanto na modalidade POOL a origem e destino são escolhidos pelo usuário, no Express POOL, após a escolha da origem e destino, o aplicativo determina pontos de embarque e desembarque próximos de forma a otimizar a corrida. É como se fosse um serviço de transporte coletivo com rotas e pontos de parada dinâmicos. De acordo com a empresa, a modalidade Express Pool poderá ser até 30% mais barata que o Uberpool e até 75% menos do que o Uber X. O serviço ainda não é oferecido no Brasil. (mais…)

Na Bolívia, prefeito é amarrado e humilhado por não cumprir promessas


El alcalde de San Buenaventura, Javier Delgado, durante el castigo en la comunidad indígena San José de Uchupiamonas. Foto: Radio Fides

A imagem era desoladora: Javier Delgado aparece sentado, com os pés presos em uma armadilha de madeira comum no interior da Bolívia. Rodeado de cachorros vira-latas, ele fuma um cigarro e é observado por alguns habitantes da pequena cidade de San Buenaventura, de 8 mil habitantes, nos arredores de La Paz.

Javier Delgado, prefeito da cidade de San Buenaventura, de 8 mil habitantes, nos arredores de La Paz, ficou uma hora preso em uma armadilha de madeira porque teria mentido

LEIA AQUI A MATÉRIA ORIGINAL (EM ESPANHOL)

Por que prenderam os pés do pobre coitado? Porque ele mentiu. Delgado é o prefeito de San Buenaventura e ficou amarrado por quase uma hora porque não cumpriu promessas de campanha.

Não foi a primeira vez que ele sofreu esse tipo de punição incomum, que obedece a antigos costumes locais. Foi a terceira, em apenas dois anos de governo. Ele nega ter feito alguma coisa de errado e se diz perseguido pelos madeireiros endinheirados da cidade, que estariam espalhando “boatos”. (mais…)

Programa Partiu Estágio abre vagas para o Hospital de Base de Conquista


A Secretaria da Administração do Estado da Bahia – SAEB, abriu seleção para a formação do Banco de Jovens para Estágio não obrigatório de Nível Superior do Estado da Bahia, para os estudantes das instituições de ensino superior estaduais, federais e privadas com sede no Estado da Bahia.

INSCRIÇÕES E CONVOCAÇÕES

– Edital de abertura de inscrições

  http://www.saeb.ba.gov.br/arquivos/File/Partiu_Estagio_Edital_001_2018.pdf  (Publicado em 21.02.2018)

Inscrições de 21 de fevereiro de 2018 a 12 de março de 2018

www.programaestagio.saeb.ba.gov.br

São 21 Vagas para o HGVC sendo: (mais…)

Saiba o que muda com a aprovação da Lei que regulamenta Uber e outros


A Câmara dos Deputados aprovou as mudanças feitas pelo Senado no projeto de lei que regulamenta a atividade de transporte de passageiros por meio de aplicativos, como Uber e Cabify. Aprovado pelos deputados, o projeto segue para sanção presidencial e só então entra em vigor.

Pelo projeto aprovado, o veículo utilizado no serviço terá de atender os requisitos de idade máxima e as características exigidas pela autoridade de trânsito e pelo poder municipal. Será exigida contratação de seguro de acidentes pessoais para os passageiros. O motorista terá de apresentar certidão negativa de antecedentes criminais.

Ao defender os taxistas, o petista Carlos Zarattini (SP) disse em plenário que era preciso limitar o número de veículos para garantir a sustentabilidade do sistema e a circulação urbana. “Já estamos assistindo ao aumento dos congestionamentos nas cidades”, justificou. (mais…)

Estudos apontam que aplicativos de transporte têm piorado o trânsito em cidades americanas


Por ALEXANDRE PELEGI

Pesquisas e estudos realizados em diversas cidades americanas trazem um dado polêmico, que contesta um dos principais discursos das plataformas de transporte particular: ao contrário do que afirma, este tipo de serviço aumenta o trânsito nas cidades onde atuam.

As cidades de Manhattan e São Francisco foram algumas das que apresentaram altos números de congestionamento.

Em São Francisco, na Califórnia, uma pesquisa realizada em junho de 2017 apontou que a cidade, em um dia de semana típico, alcançou a marca de 170 mil corridas de aplicativos por dia, 12 vezes o número de corridas de táxi feitas na mesma área, em locais que já apresentam grande trânsito.

Já em Manhattan, um dos mais densos e povoados bairros de Nova York, o aumento de táxis e carros de aplicativos piorou o trânsito em suas ruas. (mais…)