Sem Lula, Bolsonaro e Marina disputariam 2º turno das eleições presidenciais, aponta pesquisa


FOTO: Google

Se as eleições fossem hoje, os pré-candidatos à Presidência da República, Jair Bolsonaro, do PSL, e Marina Silva, do Rede Sustentabilidade, iriam para o segundo turno, de acordo com pesquisa IBOPE encomendada pela Confederação Nacional das Indústrias, a CNI, publicada nesta quinta-feira (28).

Na pesquisa estimulada, em que é apresentada ao entrevistado uma lista com os nomes dos pré-candidatos, Bolsonaro aparece com 17% da preferência do eleitorado e Marina com 13%. Ciro Gomes, do PDT, aparece em terceiro lugar, com 8%, seguido de perto por Geraldo Alckmin, do PSDB, com 6%. Álvaro Dias, do Podemos, soma 3%. Este cenário não conta com o nome o ex-presidente Lula.

Com Lula na lista, também em pesquisa estimulada, o petista aparece em primeiro lugar com 33% da preferência do eleitorado. Jair Bolsonaro cai para segundo lugar com 15%. Marina Silva soma 7%, Ciro Gomes e Geraldo Alckmin têm 4% cada, e Álvaro Dias 2%.

Na pesquisa espontânea, Lula também aparece em primeiro lugar com 21%, Bolsonaro tem 11%. Ciro Gomes e Marina Silva estão empatados neste cenário, com 2% cada.

A pesquisa CNI/IBOPE também avaliou o governo do presidente Michel Temer. De acordo com dados da pesquisa, a insatisfação da população com o governo Temer aumentou sete pontos percentuais, saindo de 72%, número registrado no mês de março, para 79%. A insatisfação é a maior registrada desde o início do mandato de Temer.

FONTE: Agência do Rádio/ Cristiano Carlos