[VÍDEOS]: Após mais confusões, Síndico vai propor expulsão de Marcell Moraes do condomínio


Circuito interno mostra Marcell sendo contido pelos próprios seguranças

 

O deputado estadual, Marcell Moraes (PSDB-BA), conhecido como defensor dos animais, se envolve em mais uma confusão. Desta vez, o Síndico do condomínio onde ele mora, Willian Marques, afirmou em entrevista à Rádio Metrópole nesta quarta-feira (27), que vai reunir os moradores para que o parlamentar seja expulso após confusões no local. O prédio fica no bairro de Armação, em Salvador.

De acordo com o Síndico, o Deputado tem demonstrado um comportamento agressivo, além de estar levando para dentro do condomínio seguranças armados,  sem identificá-los na portaria.

“O senhor deveria tomar vergonha na cara. Eu vou convocar uma assembleia extraordinária para que seja expulso, já que o senhor não apresenta nenhum documento que comprove, nenhuma escritura de compra e venda”, disse William durante o Jornal da Cidade.O parlamentar mora há 60 dias no prédio. “Ele devia se comportar como homem público. A ordem que eu dei é que qualquer pessoa que entrasse com ele deveria ser identificada. […] Recebi ontem a informação que ele está andando com gente armada porque está com medo de morrer. Para mim as atitudes deles não são de uma pessoa comprometida com o povo. Uma pessoa que agride as pessoas não pode ser deputado”.

À reportagem, o deputado alega que fez questão de gravar a situação justamente para que não houvesse outra versão dos fatos, salvo a de que foi impedido de entrar no seu imóvel. De acordo com o parlamentar, o porteiro avisou que a ordem partiu do síndico do prédio, de que só entraria no edifício após conversar com ele. “As imagens falam por sí. Fui impedido de entrar enquanto não falasse com o síndico. A única coisa que fiz foi questionar meu direito de ir e vir”, afirmou Marcell.

A Presidente da Comissão de Direitos da Mulher na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), a deputada estadual Olívia Santana (PCdoB) afirmou à Rádio Metrópole, nesta quarta-feira (27), que vai encaminhar à presidência da Casa os casos de supostas agressões envolvendo o deputado estadual Marcell Moraes (PSDB), seguranças do parlamentar, assessores e a namorada.

À reportagem, o primo e ex-assessor dele, Lucas Carvalho, afirmou que foi agredido por seguranças do tucano. Ele contou ainda que no mesmo dia, uma assessora de Marcell e suposta amante do deputado também foi agredida.

Veja abaixo os videos com o deputado sendo barrado na portaria, entrevista completa com o Síndico e imagens internas do condomínio que mostram Marcell sendo contido pelos próprios seguranças: