Conquistenses vão às ruas a favor da vacina e contra Bolsonaro


O sábado 24 de julho está sendo marcado por mais protestos contra o governo do Presidente Jair Bolsonaro.

Desta vez, mais de 400 cidades em todo o Brasil estão com as ruas ocupadas por brasileiros indignados,  em defesa do SUS, por mais vacinas, auxílio emergencial de R$ 600, empregos e moradia.

Em Vitória da Conquista, o Fórum Sindical e Popular promoveu uma marcha pela cidade que contou com a presença de centenas de manifestantes. A caminhada percorreu pelo centro da cidade em diálogo com a população e trabalhadores do comércio e foi encerrada na praça Nove de Novembro.

A manifestação teve também a presença de sindicatos de professores e movimentos sociais diversos.

O evento também contou com protestos contra uma ação da prefeitura de Conquista ocorrida no feriado de São João, quando a Secretaria de Infraestrutura determinou que tratores demolissem os barracos de famílias em situação de vulnerabilidade que ocupavam um terreno público.

Também houve protestos contra o projeto que visa implementar em Conquista uma taxa pela destinação dos resíduos sólidos, a “taxa do lixo”.

Para Leonardo Viana, presidente do Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região, a política do governo Bolsonaro tem levado o país para um obscurantismo sem precedentes. “Assim como nas manifestações anteriores, vemos crescentes na participação das pessoas e na quantidade de cidades mobilizadas para pedir o impeachment do presidente. Isso demonstra o crescimento da insatisfação da população, bem como um maior reconhecimento quanto aos possíveis crimes cometidos por Bolsonaro, principalmente nos casos de interferência na Polícia Federal para blindar os seus filhos de investigações, no escândalo do orçamento paralelo, com o tratoraço, e a prevaricação em não mandar apurar o esquema de compras superfaturadas de vacinas com pedidos de propinas. Estes são exemplos mais que suficientes para justificar a retirada do presidente. Não fecharemos os olhos para esses absurdos, e é por isso que continuaremos nas ruas pressionando o presidente da Câmara para que coloque em pauta o julgamento dos mais de 100 pedidos de impeachment protocolados na Casa”, destacou Leonardo.

O protesto contou ainda com movimentos estudantis, militantes dos partidos da esquerda e populares. Foi o terceiro protesto só neste ano.

 


Smed realiza manutenção em unidades escolares para início das aulas semipresenciais


A Secretaria Municipal de Educação (Smed) informou que intensificou as adaptações de melhoria na estrutura das unidades de ensino, em especial, nas escolas definidas para iniciar o ensino híbrido. São revisões nas instalações elétricas, hidráulicas, serviços de capina, instalações de pias para higienização das mãos e demarcação do distanciamento, em cumprimento à Portaria Conjunta SMED/SMS n° 019/2021.

O início das aulas semipresenciais na Rede Municipal de Ensino se aproxima.

“Ao longo desse período em que o ensino foi remoto, foram realizadas manutenções corretivas na infraestrutura das unidades e as adequações necessárias, como verificação de janelas, instalação de pias nas entradas das escolas e demarcação no piso para o distanciamento. Agora, estamos nos ajustes finais para que as unidades escolhidas estejam prontas para atender os protocolos de segurança”, declarou o coordenador de Infraestrutura Escolar, Maximiliano Alves. (mais…)


Governo da Bahia investe R$ 305 milhões para retomada das aulas presenciais


O governo da Bahia informou o investimento de R$ 305 milhões para a requalificação das escolas públicas na retomada das aulas presenciais, na próxima segunda-feira (26). Nas unidades escolares foram realizadas manutenções e adequações que possibilitarão que os alunos sejam recebidos com mais segurança, por conta dos protocolos que foram implantados. Conforme anunciado pelo governador Rui Costa, o retorno às aulas será de forma híbrida.

O secretário estadual da Educação, Jerônimo Rodrigues, garantiu que o Estado está preparado para realizar de maneira organizada este retorno. “A escola está preparada para receber os estudantes e servidores. As salas estão preparadas com ventiladores, com uma melhor aeração, cuidaremos para que os estudantes recebam e usem máscaras, e vamos aferir a temperatura. Nós estamos iniciando essa etapa porque os indicadores estão favoráveis para esse modelo. A nossa primeira motivação para este retorno ao aprendizado é o cuidado com a realização de todos os protocolos de segurança” (mais…)


Comissão de Educação fiscaliza escolas da Zona Rural e aprova apenas uma


Na manhã dessa quinta-feira (22), o presidente da Comissão de Educação da Casa da Câmara, o vereador Valdemir Dias (PT), realizou uma série de visitas a escolas da Zona Rural do município. Segundo Dias, o objetivo “foi verificar as condições das escolas, a infraestrutura, a questão da ventilação, os sanitários, telhados, salas de aula, carteiras escolares e cozinhas”. Ele avalia que “é preciso melhorar muito” a infraestrutura escolar para que as atividades presenciais possam ser retomadas com segurança.

De acordo com o vereador Valdemir, os principais problemas encontrados estão relacionados à pouca ventilação das salas e sanitários, avarias em paredes e portas e telhados em condições precárias. A falta de forro em unidades da CEI Gameleira foi apontada como problema grave em decorrência do grande acúmulo de poeira nas salas. (mais…)


Taxa Resíduos Sólidos: “A gente sabe que é impopular, mas é por uma boa causa”, diz Sheila


Após prestigiar a cerimônia de posse da nova diretoria do conselho fiscal da Associação das Indústrias de Vitória da Conquista (AINVIC), na tarde desta quarta-feira (22), a prefeita Sheila Lemos, em entrevista coletiva, falou sobre a indigesta e polêmica “taxa do lixo”, que por determinação de governo federal, passará a ser cobrada em todos os municípios do Brasil.

Sheila disse que tentou protelar ao máximo o envio do projeto à Câmara de Vereadores. “Não queríamos colocar este ano, inclusive a UPB (União dos Município da Bahia)  entrou pedindo um prazo maior, por ser um ano pandêmico, ainda estamos na pandemia e sabemos que reduziu muito a renda das famílias brasileiras, então se pudesse botar isso mais pra frente, quando a economia melhorar, era o nosso pedido, mas infelizmente não foi aceito pelo governo, nós mandamos então a nossa lei de taxa de resíduos sólidos para a Câmara”.

A prefeita reconheceu o dano que a cobrança da taxa causa à imagem da gestão, mas disse que o parcelamento da mesma facilitará o pagamento.  “A gente sabe que é impopular, porque as pessoas já pagam tantos impostos, não querem pagar mais um, mas entendemos também que é por uma boa causa, pelo meio ambiente. As residências vão pagar de 100 a 230, se você dividir isso em 12 parcelas, que é o que nós propusemos a Embasa, então 100 reais vai ficar aí 8 reais e alguma coisa, 230 vai ficar 19 reais, pra que a pessoa não pague junto com o IPTU, uma taxa única, porque aí sim, se você paga cento e poucos reais de IPTU e chegar 100 reais de taxa de lixo, pra você pagar em uma cota única, pesa, mas se diluir durante o ano fica mais fácil para as pessoas pagarem”, afirmou.

Vereadores – Durante uma reunião na Câmara de Vereadores, o secretário municipal de Finanças, Jonas Sala ressaltou a perda de receita do município, decorrente ao cenário econômico provocado pela pandemia e apostou na Taxa de Manuseio do Resíduo Sólido como uma medida importante para aumentar a arrecadação do município. “Não podemos renunciar receita. Isso, inclusive, é crime”, afirmou o secretário.

O vereador Andreson Ribeiro (PCdoB) pediu mais tempo para debater o assunto e encontrar soluções que possam compensar esse novo imposto, como a redução na alíquota do IPTU.

A ‘Taxa do Lixo’ foi implementada pelo novo Marco do Saneamento do Governo Federal, sancionado em julho do ano passado, mas tem que ser sancionada pelo município após votação na Câmara Municipal. A Câmara está no período de recesso parlamentar e deverá apreciar o PL 11/2021 após a retomada das sessões ordinárias, no mês de agosto.


Intervalo maior de doses da vacina Pfizer aumenta níveis de anticorpos


Um intervalo maior entre as duas doses da vacina da Pfizer contra a covid-19 proporciona um nível maior de anticorpos do que um intervalo mais curto, concluiu um estudo britânico, embora haja uma queda brusca nos níveis de anticorpos após a primeira dose.

O estudo pode ajudar a traçar estratégias de vacinação contra a variante Delta, que reduz a eficácia de uma primeira dose da vacina contra a covid-19, ainda que duas doses sejam eficientes na proteção.

“Para o intervalo mais longo de doses, os níveis de anticorpos neutralizantes contra a variante Delta foram induzidos de maneira fraca após uma única dose, e não se mantiveram durante o intervalo até a segunda dose”, apontaram os autores do estudo, que está sendo conduzido pela Universidade de Oxford. (mais…)


Vereadores debatem projeto de criação da ‘Taxa do Lixo’ em reunião com secretários do Governo Municipal


Vereadores da Câmara Municipal de Vitória da Conquista estiveram reunidos nesta quarta-feira (21) com secretários que compõem o Governo Municipal para discutir a Taxa de Manuseio do Resíduo Sólido (TRMS), imposto que poderá ser cobrado aos contribuintes pelo serviço de recolhimento do lixo nas residências, lojas e indústrias. O Projeto de Lei Complementar 11/2021, que institui a cobrança, já está tramitando.

Nesse primeiro encontro, ocorrido no Plenário Carmen Lúcia, os vereadores tiveram a oportunidade de analisar os detalhes do Projeto de Lei, enviado à Câmara pela Prefeitura Municipal. Durante apresentação feita aos vereadores, o secretário municipal de Finanças, Jonas Sala, fez um balanço da arrecadação de Vitória da Conquista nos últimos quatro anos, bem como os investimentos. O secretário ressaltou a perda de receita do município, decorrente ao cenário econômico provocado pela pandemia. Ele explicou também que apesar dessas perdas, o município manteve os investimentos em Saúde e Educação acima do percentual mínimo. Porém, alertou para a necessidade de se manter o equilíbrio das contas e apostou na Taxa de Manuseio do Resíduo Sólido como uma medida importante para aumentar a arrecadação do município. “Não podemos renunciar receita. Isso, inclusive, é crime”, afirmou o secretário. (mais…)


IFBA de Conquista abre processo seletivo para professor substituto; Salários até 3.500


O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA), campus Vitória da Conquista, torna público o Edital N° 4 de abertura do PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO para contratação de professor substituto. As inscrições estarão abertas no período de 23 de julho de 2021 a 11 de agosto de 2021.

Serão ofertadas cadastro de reserva para as seguintes áreas do conhecimento: Administração/Economia, Atendimento, Educacional Especializado (AEE), Biologia, Informática: Programação e Infraestrutura, Desenho Técnico, Educação Física, Engenharia Ambiental/Sanitária, Engenharia Civil, Filosofia, LIBRAS, Língua Portuguesa, Probabilidade e Estatística, Química geral e Inorgânica. A remuneração varia de aproximadamente R$ 2.500 a R$ 3.500, de acordo com o regime de trabalho de 20h ou 40h semanais. (mais…)


Vacinação nesta quinta: Idade 40 (+), trabalhadores da Educação 18 (+) e 2ª dose da AstraZeneca/Oxford


A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) dará continuidade à vacinação nesta sexta-feira (23), até o fim do estoque, ampliando a aplicação da 1ª dose para população de 40 anos ou mais e trabalhadores da Educação que atuam em Vitória da Conquista com 18 anos ou mais. Também haverá aplicação da 2ª dose das vacinas AstraZeneca/Oxford  e Coronavac/Butantan para aqueles que estão com data agendada.

A vacinação será das 9h às 16h, nos oito pontos que estarão divididos para 1ª e 2ª dose para evitar que os dois públicos se misturem. A 1ª dose para as pessoas com 40 anos ou mais e trabalhadores da Educação estará disponível nos seguintes pontos: drive-thru da Ufba, ponto de pedestres da Paróquia Rainha da Paz (Patagônia), Salão Paroquial da Santa Luzia (Urbis V) e Escola Municipal Mozart Tanajura (Vila América). (mais…)


Conquista: Golpistas se passam por agentes da prefeitura para clonar telefones de empresas


Imagem ilustrativa

 

A Vigilância Sanitária do Município (Visa) alerta os prestadores de serviços e estabelecimentos comerciais sobre a tentativa de golpe que está sendo praticada em Vitória da Conquista por pessoas que têm se passado por servidores da Vigilância com o objetivo de fazer clonagem de telefones e ter acesso à lista de contatos de clientes.

Por ligação, os golpistas entram em contato com clínicas médicas, veterinárias, supermercados e farmácias alegando que o estabelecimento foi denunciado por irregularidades junto à Vigilância Sanitária. Os golpistas solicitam que o responsável pela empresa preencha um questionário informando dados confidenciais, contatos para abertura de inquérito e apuração da suposta denúncia. (mais…)