Prefeito eleito de Salvador, Bruno Reis testa positivo para Covid-19


O prefeito eleito de Salvador, Bruno Reis, testou positivo para a Covid-19 nesta quinta-feira, 10. Reis segue em isolamento domiciliar, sem apresentar sintomas.

Desde o início da pandemia, o atual vice-prefeito vem sendo submetido rotineiramente aos testes. O procedimento desta quarta-feira, 9, acusou a presença do vírus. Bruno Reis passa bem e cumpre os protocolos sob orientação médica.

Casos na prefeitura de Salvador

Em maio deste ano, o chefe de gabinete do prefeito ACM Neto, Kaio Moraes testou positivo para a doença. Poucos dias antes de Kaio, ainda no mês de maio, o subchefe de gabinete, Matheus Simões, também tinha testado positivo.

Na semana passada, o secretário de educação de Salvador, Bruno Barral, também testou positivo para a doença. Ao A Tarde, o secretário disse que “está assintomático e passa bem”.

“Estou melhorando. Mais alguns dias e já estarei na ativa”, afirmou.

Campanha

Durante a reta final da campanha, Bruno Reis teve contato com o prefeito de Vitória da Conquista, Hérzem Gusmão (MDB), diagnosticado com a doença na última segunda-feira, 7.

Após eleito no segundo turno, Herzem Gusmão chegou a se reunir na quinta-feira, 3, com o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), e Colbert Martins (MDB) eleito em Feira de Santana.

Fonte: A TARDE

Prefeito de Vitória da Conquista e primeira-dama estão em isolamento domiciliar


O prefeito Herzem Gusmão continua se recuperando da Covid-19, em casa. Na manhã desta terça-feira (08), a primeira-dama do município, Luci Freire Gusmão, também testou positivo para Covid. Ela está com sintomas leves, sendo monitorada e cumprindo com o isolamento domiciliar.

“Agradeço as mensagens e orações que tenho recebido desde ontem e peço a todos que continuem orando por nossa plena recuperação. Deus nos abençoe”, disse o prefeito Herzem.

Herzem se reúne com ACM Neto e tem nome cotado para vice-governador


Nesta quinta-feira o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM) se reuniu com os prefeitos reeleitos de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB) e de Feira de Santana, Colbert Martins (MDB).

De acordo com informações do site Políticos do Sul da Bahia, durante a reunião os dois prefeitos reafirmaram apoio ao nome de ACM Neto como candidato ao governo do estado em 2022.

Ficou definido que nome do vice será do interior, e o nome de Herzem Gusmão foi lembrado como opção. Sendo que o prefeito de Barreiras, Zito (DEM) também tem sido cotado.

ACM Neto para o PT:”Tenha a dignidade de reconhecer a derrota”; Assista ao vídeo


Na inauguração da iluminação de natal da praça do Campo Grande, nesta segunda-feira, 30, o prefeito ACM Neto (DEM) rebateu as críticas feita pelo senador e ex-governador Jaques Wagner (PT) à comemoração dos resultados nas eleições municipais deste ano por parte dos democratas. Em uma postagem numa rede social, Wagner lembrou que, em 2016, o PT saiu ainda mais fragilizado, mas, em 2018, a sigla obteve uma vitória “retumbante” com a reeleição de Rui Costa, e alfinetou: “o apressado come cru”.

“Jaques Wagner é Senador da República e a melhor frase que ele conseguiu produzir depois das eleições foi “o apressado come cru”. Um cara que é senador e ex-governador de um partido que governa a Bahia há 14 anos”, rebateu o prefeito, dando de ombros.

“Eu sei perder. Então, quando a gente perde, a gente deve ter a humildade de reconhecer quem ganhou, eles não têm essa capacidade, acho que esqueceram o que é isso.”, criticou Neto. “Nós ganhamos. Ora, deve-se imaginar que tenho o direito de comemorar. Se eu tivesse perdido, eu reconheceria a derrota, e desejaria sucesso aos vencedores. Quem perde deve ter a decência de reconhecer a derrota e desejar sucesso ao vencedor.. Eu não ouvi uma só palavra nesse sentido de ninguém do PT na Bahia. Então, a gente tem que ser bom ganhador e bom perdedor.”, disse.

Lídice recebe prefeitos e aliados em Salvador


A deputada federal Lídice da Mata (PSB-BA) recebeu diversos aliados esta semana, na sede do partido, em Salvador. Além de prefeitos eleitos e reeleitos, a parlamentar, que preside a legenda socialista na Bahia também se reuniu com lideranças da capital e do interior para discutir temas políticos e administrativos.

Entre os políticos que se reuniram com a deputada está o prefeito de Itaquara, Marco Aurélio Costa  (PSB), reeleito para mais quatro anos de mandato, a primeira mulher eleita como prefeita de Cachoeira, Eliana Gonzaga (Republicanos) e a vice Cristina Sores (PSB), além dos candidatos pelo partido em 2020, Viviany de Eliseu (Serrinha) e João Pedro (Palmas de Monte Alto). De Salvador, Lídice se encontrou com o líder comunitário e suplente de vereador, Samuel Nontato. (mais…)

Eleições 2020: Zé Raimundo (PT) vai pedir impugnação de Herzem na Justiça Eleitoral; Veja o vídeo


Em entrevista coletiva à imprensa logo após a totalização da apuração, o candidato derrotado nas eleições para prefeito de Vitória da Conquista, o deputado Zé Raimundo (PT), afirmou que vai recorrer à Justiça Eleitoral para impedir a posse do prefeito reeleito Herzem Gusmão (MDB), segundo o mesmo, por uso da máquina pública “de forma muito violenta e completamente fora da lei”.

“Já fizemos denúncias e vamos denunciar mais uma vez na Justiça Eleitoral, pedindo naturalmente a impugnação do candidato na sua posse. A Justiça irá avaliar, mas sem dúvida alguma, foi uma campanha em que a marca da utilização do dinheiro público ficou escancarada a todo momento”, afirmou.

O candidato derrotado também acusou o prefeito reeleito de ameaçar de forma truculenta servidores.

Zé Raimundo, que venceu no primeiro turno com uma margem inferior a 02% em relação a Herzem, atribuiu a derrota neste domingo a “rearranjos”, mas não explicou claramente o que isso quer dizer.  “No segundo turno, em função de alguns rearranjos, não fomos vencedores eleitoralmente”.

O petista também ressaltou que o “novo normal” causado pela pandemia enfraqueceu o trabalho nas ruas, marca característica do PT. “As eleições foram atípicas, não só em função da pandemia, que dificultou muito o processo de mobilização que é a nossa marca, de estar nas ruas, nas mobilizações, reuniões”, lamentou.

CONFIRA A ÍNTEGRA DA COLETIVA:

Eleições 2020: Com 79,5% de urnas apuradas Herzem (MDB) vence Zé Raimundo (PT) em Vitória da Conquista


Com 79,5% das urnas apuradas a vantagem o candidato e atual prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (MDB) já tem 84.407 votos, uma margem de 13,24% à frente do deputado e candidato Zé Raimundo (PT). Em votos isso significa uma margem de 19.747 votos a mais para o atual prefeito, que está praticamente reeleito.

Em Feira de Santana, o placar também é favorável para o MDB. Com 81,38% das urnas apuradas, Colbert Martins vence com 8% à frente de Zé Neto (PT), o que significa um total de 19.625 votos a mais para o emebista.

É provável a derrota do PT nas 02 maiores cidades da Bahia.

[VÍDEO]: Residência de servidora pública é atacada por bombas em Conquista; Polícia investiga o caso


A servidora pública, professora Shirley Mabel Franco, afirma ter sido alvo de ataques com bombas em sua residência por 02 dias. Os atentados ocorreram no dia 21 e também nesta quinta-feira (26). O barulho das explosões foram ouvidos por vizinhos, entre eles, um policial militar.  A vítima registrou queixa na Polícia Civil de Vitória da Conquista. Shirley acredita que os atentados seriam uma forma de intimidá-la por conta de suas postagens políticas em seus perfis nas redes sociais.

OUÇA O RELATO DO SEGUNDO ATAQUE:

“Esses ataques começaram a partir de uma postagem que fiz no meu Instagram na tarde de sábado”, diz. Segundo a servidora, uma mulher que se identificou como advogada passou a pressioná-la para retirar a postagem e se retratar, o que ela se negou a fazer.

O Boletim de Ocorrência foi registrado na delegacia da Polícia Civil e deve ser investigado.

CONFIRA O VÍDEO QUE MOSTRA O MOMENTO EM QUE A BOMBA FOI LANÇADA NA RESIDÊNCIA:

Eleições 2020: PSOL denuncia ‘gabinete do ódio’ na campanha de Herzem


O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) divulgou nesta terça-feira (24) uma nota pública repudiando “fake news” que estariam sendo “disseminadas por um grupo político vinculado à candidatura do prefeito Herzem Gusmão, inclusive sendo estas disseminadas por agentes públicos comissionados em seu governo”, segundo a nota.

O direção local do partido afirma que o professor Omar Costa Ribeiro, Mariana Aragão, o vereadore eleito Alexandre Xandó, a professora Aliny Souza, Professor Cláudio Carvalho e outros estão sendo vítimas do “gabinete do ódio” em Vitória da Conquista. “Defendemos e seguimos firmes em nossa posição a favor do Estado de Direito, crendo que a justiça existe para ser acionada e utilizada quando necessário”.

CONFIRA A ÍNTEGRA DA NOTA

O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), neste momento em que atravessamos o Segundo Turno eleitoral, vem a público manifestar total repúdio às fake news que vêm sendo disseminadas por um grupo político vinculado à candidatura de Herzem Gusmão, inclusive sendo estas disseminadas por agentes públicos comissionados em seu governo. O PSOL manifesta total e incondicional apoio, solidariedade e disposição a fazer frente a todos os ataques que vêm sofrendo diversas pessoas da militância social e política da cidade de Vitória da Conquista por partidários de uma forma de fazer política baseada na disseminação de Fake News, na difamação, no atentado à moral, na perseguição e outras formas de intimidação e ameaças. Àqueles que não suportam e não sabem disputar democraticamente o poder, resta a força da lei e os instrumentos legais cabíveis, e estes serão utilizados por nosso partido. O “gabinete do ódio” em sua versão “suíça baiana” não terá sossego, e a cada fake news disseminada muitas ações e responsabilizações serão buscadas até compreenderem que não vivemos em um Estado paralelo de barbárie, mas vivemos, prezamos e trabalhamos para a conservação e aprimoramento do Estado de Direito, democrático, livre e diverso.

Conforme o dia de votação do segundo turno das eleições municipais se aproximam, aumenta o desespero dos que estão acostumados ao poder local e aos seus desmandos, a divulgação de fake news cresce consequentemente, e esta é uma tática conhecida dos que se beneficiam e se promovem por meio da mentira, da calúnia e da difamação de seus opositores. Não nos calaremos, estaremos sempre prontos a combatê-las e não pouparemos esforços para responsabilizar seus autores e reestabelecer a verdade. Essas pessoas que não trazem consigo qualquer limite ou valor ético terão pelas vias legais a resposta e os limites que precisam.

Por fim, o PSOL reafirma sua solidariedade e apoio a Omar Costa Ribeiro, a Mariana Aragão, a Alexandre Xandó, a Professora Aliny Souza, ao Professor Cláudio Carvalho e a todos(as) demais que tenham ou estejam sendo vítimas do “gabinete do ódio” em sua versão “suíça baiana”. Defendemos e seguimos firmes em nossa posição a favor do Estado de Direito, crendo que a justiça existe para ser acionada e utilizada quando necessário.