[CONQUISTA]: Lei que beneficia portadores de Transtorno do Espectro Autista (TEA) não está sendo cumprida



Sancionada desde 17 de outubro de 2018, a Lei 2.254 ainda não é cumprida em Vitória da Conquista (BA). Desde o ano passado, os estabelecimentos públicos e privados do município são obrigados a inserir nas placas de atendimento prioritário o símbolo mundial de conscientização do Transtorno do Espectro Autista (TEA),

Além disso, o simbolo também deveria constar nas placas indicativas de vagas preferenciais, reservadas às pessoas com deficiências em estacionamentos e garagens.

Segundo Vitória Aparecida, presidente da Associação Atendimento Especializado a Pessoa Autista – Acaepa- a falta do simbolo mundial de conscientização do Transtorno do Espectro Autista (TEA) tem causado constrangimento principalmente para os pais de crianças autistas. “Como o Transtorno do Espectro Autista não é algo perceptível a primeira vista, quando os pais entram na fila prioritária, as pessoas ao redor reclamam”, explica Aparecida.