[Covid-19]: Mais 04 moradores de Conquista morrem e número de óbitos chega a 53


A rotina de noticiarmos mortos diariamente em Vitória da Conquista passa a ser o desastroso “novo normal”. Enquanto o prefeito Herzem Gusmão segue defendendo uma política engessada e desatualizada de enfrentamento ao Covid-19, famílias conquistenses choram diariamente por seus mortos, que nem mesmo podem ter um funeral digno.

Nesta quinta-feira (30), perderam a vida mais quatro moradores da cidade, internados com Covid-19. Com isso, sobe para 53 o número de mortos pela doença no município.

Confira as informações passadas pelo governo Herzem:

50º óbito – Homem de 76 anos, morador do bairro Sumaré, portador de Hipertensão; foi internado no dia 13 de julho no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), onde faleceu no dia 29 de julho.

51º óbito – Homem de 80 anos, morador do bairro Morada dos Pássaros 2, portador de Hipotireoidismo; foi internado no dia 16 de julho no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) e veio a óbito no dia 29 de julho.

52º óbito – Homem de 52 anos, morador do distrito de São Sebastião, portador de Doença Cardiovascular crônica, etilista e tabagista; deu entrada para internação no dia 29 de julho no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) e veio a falecer no mesmo dia.

53º óbito – Homem de 66 anos, morador do bairro Recreio, sem comorbidades; estava internado desde o dia 17 de julho no Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), onde veio a óbito no dia 29 de julho.

Nesta quinta-feira (30), mais 60 pacientes testaram positivo para Covid-19, totalizando 2.477 casos confirmados em Conquista. O número de pacientes recuperados aumentou para 2.014 e outros 410 seguem em recuperação (34 internados e 376 em tratamento domiciliar).

Ainda estão aguardando classificação final, 3.912 pacientes notificados pela Secretaria de Saúde com suspeita de Síndrome Gripal/Covid-19, sendo que 3.611 possuem critérios de coleta para exame laboratorial ou Teste Rápido* e 301 aguardam resultado laboratorial de exame RT-PCR. Desses pacientes que aguardam investigação, 2.899 recuperaram-se da Síndrome Gripal, 992 apresentam Síndrome Gripal leve e permanecem em tratamento domiciliar. Outras 16 pessoas estão hospitalizados e cinco foram a óbito por suspeita de infecção pela Covid-19 – esses casos aguardam o resultado da investigação laboratorial.

Ocupação dos leitos – A rede SUS do município dispõe de 145 leitos (75 enfermarias e 70 UTI) exclusivos para tratamento da Covid-19. Neste momento, 95 leitos estão ocupados.