Ação da PM doa ovos de Páscoa e cestas básicas em Vitória da Conquista


Uma ação da Polícia Militar da Bahia (PM-BA), por meio da Patrulha Solidária do Comando de Policiamento da Região (CPR-Sudoeste), promoveu a doação de 200 ovos de Páscoa e cestas básicas para moradores carentes na cidade de Vitória da Conquista, a 517 km de Salvador.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a entrega dos materiais foi iniciada no sábado, 03. Ainda conforme a pasta, os alimentos foram distribuídos nos bairros de Morada Nova, Panorama, Nova Cidade, Vila América e no assentamento Santos Dias, no bairro de Vila Elisa.

Segundo a coordenadora da Patrulha, os donativos foram entregues às famílias assistidas pela unidade e para outras que, naquele momento, também passavam por dificuldades.

“Com certeza foi uma Páscoa completamente diferente para essas pessoas”, disse a oficial. Ela contou ainda que mais 100 ovos serão entregues na comunidade quilombola Oiteiro e no povoado Caiçara, neste domingo, 4. ( A TARDE)

Deputada do PSL pede a Rui Costa implantação da Delegacia do Idoso em Conquista


A implantação de uma delegacia especial de atendimento ao idoso, no município de Vitória da Conquista, foi sugerida pela deputada Talita Oliveira (PSL) ao governador Rui Costa, em indicação apresentada na Casa Legislativa.

A parlamentar justificou a proposta baseada nos registros de crimes contra idoso nas delegacias convencionais, e nos relatos da mídia. “Geralmente os atos de violência ocorrem principalmente em seu próprio seio familiar, na qual são submetidos a constrangimentos dos mais diversos, e muitas vezes sofrem calados, com medo de represálias”, colocou.

Com um órgão especializado para atendê-los na área de segurança especifica, os idosos se sentirão mais à vontade para procurá-lo e realizar suas denúncias, “pois será um local que os fornecerá o apoio e orientação necessária sobre seus direitos, e onde serão tomadas as medidas cabíveis baseadas na Lei do Estatuto do Idoso, com maior agilidade, e com a garantia de que não serão molestados pelo denunciado”, argumentou.

Para o equipamento, a deputada sugeriu a dotação de uma equipe multidisciplinar formada por psicólogos, assistentes sociais, servidores e um automóvel não padronizado, “para que o trabalho seja eficaz no combate à violência praticada contra os idosos do município de Vitória da Conquista e região”, explicou.

Fonte: Política Livre

LG anuncia encerramento de operações no mercado de celulares


A LG informou, nesta segunda-feira (5), em nota divulgada à imprensa, que encerrará suas operações mundiais no mercado de celulares. No Brasil, a única fábrica da empresa sul-coreana é a de Taubaté, no interior de São Paulo. A unidade tem aproximadamente mil funcionários, e 400 estão empregados na área de celulares. O Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté deve se reunir com a direção da empresa nesta terça-feira (6).

Em nota, a LG informou que o negócio de celulares sofre perdas operacionais desde 2015, o que teria resultado em aproximadamente US$ 4,1 bilhões de prejuízo até o fim de 2020. “Depois de avaliar todas as possibilidades para o futuro do nosso negócio de celulares, o Headquarter Global decidiu por fechar esta divisão a fim de fortalecer sua competitividade futura por meio de seleção e foco estratégico”, diz a nota. Hoje, a LG tem 6,5% de participação no mercado de smartphones no Brasil e 1,6% no mercado global, de acordo com o site Statcounter.

No comunicado, a empresa promete informar as próximas etapas da decisão “de forma aberta e transparente”, e garante que irá seguir todas “obrigações jurídicas”. “Espera-se que a desaceleração do negócio de telefonia móvel seja concluída até 31 de julho, embora o estoque de alguns modelos existentes ainda possa estar disponível depois disso”, informou a LG.

Fonte: Congresso em Foco

 


Mudanças no Código de Trânsito começam a valer neste mês


Entram em vigor no dia 12 de abril as alterações promovidas no Código Brasileiro de Trânsito. As mudanças foram sancionadas pelo presidente Jair Bolsonaro em outubro do ano passado, quando ficou definido que a vigência passaria a ocorrer 180 dias após a sanção.

A partir de agora, os motoristas devem ficar atentos aos novos prazos de renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), ao número de pontos que podem gerar a suspensão de dirigir e à punição de quem causar uma morte ao conduzir o veículo após ter ingerido bebida alcoólica ou ter usado drogas.

Os exames de aptidão física e mental para renovação da CNH não serão mais realizados a cada cinco anos. A partir de agora, a validade será de dez anos para motoristas com idade inferior a 50 anos; cinco anos para motoristas com idade igual ou superior a 50 anos e inferior a 70 e três anos para motoristas com idade igual ou superior a 70 anos.

Haverá mudanças também na quantidade de pontos que podem levar à suspensão da carteira. Atualmente, o motorista que atinge 20 pontos durante o período de 12 meses pode ter a carteira suspensa. Agora, a suspensão ocorrerá de forma escalonada. O condutor terá a habilitação suspensa com 20 pontos (se tiver duas ou mais infrações gravíssimas na carteira); 30 pontos (uma infração gravíssima na pontuação); 40 pontos (nenhuma infração gravíssima na pontuação).

As novas regras proíbem que condutores condenados por homicídio culposo ou lesão corporal sob efeito de álcool ou outro psicoativo tenham pena de prisão convertida em alternativas.

Cadeirinhas
O uso de cadeirinhas no banco traseiro passa a ser obrigatório para crianças com idade inferior a dez anos que não tenham atingido 1,45 m de altura. Pela regra antiga, somente a idade da criança era levada em conta.

Recall
Nos casos de chamamentos pelas montadoras para correção de defeitos em veículos (recall), o automóvel somente será licenciado após a comprovação de que houve atendimento das campanhas de reparo. (EBC)

#VacinaSim: Nesta segunda-feira (5) é a vez dos idosos de 66 anos; Confira programação


Neste sábado (3), a Secretaria de Saúde de Vitória da Conquista deu continuidade à vacinação contra a Covid-19. Ao todo, foram vacinadas 1.785 pessoas, sendo 902 vacinados com a 1ª dose e outros 883 com a 2ª dose da CoronaVac. Já na próxima segunda-feira (5), dando seguimento à vacinação dos idosos do grupo prioritário, serão vacinados os idosos de 66 anos completos ou mais, conforme escalonamento de faixa etária.

Para esses idosos, a vacinação vai acontecer das 9h às 16h, no drive-thru da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e no Comando de Policiamento da Região Sudoeste (CPRSO). Além disso, a vacina também estará disponível nos pontos fixos para pedestres na quadra esportiva da Fainor (Candeias), no Salão Paroquial da Santa Luzia (Urbis V) e na Paróquia Rainha da Paz (Patagônia).

Os idosos das etapas anteriores que ainda não foram vacinados devem procurar um dos pontos de vacinação para receber a primeira dose.

SEGUNDA DOSE

Ainda na segunda-feira (5), de 9h às 16h, continua a vacinação de 2ª dose no drive-thru do Comando de Policiamento da Região Sudoeste e nos pontos fixos para pedestres na Paróquia Rainha da Paz (Patagônia), Salão Paroquial da Santa Luzia (Urbis V) e quadra esportiva da Fainor. Serão vacinados aqueles que tiverem a data de retorno para aplicação da segunda dose, escrita em lápis no cartão de vacina, 28 dias após ter tomado a primeira.

No momento da vacinação, é necessário apresentar o documento de identificação pessoal e o cartão de vacina com data de aprazamento para segunda dose.

Ministro Nunes Marques (STF), libera cultos e missas em todo o País


O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Kassio Nunes Marques decidiu neste sábado (3) autorizar a realização de celebrações religiosas em todo o País. Indicado ao cargo pelo presidente Jair Bolsonaro, Nunes Marques determinou que sejam aplicados protocolos sanitários em igrejas e templos, limitando a presença em cultos e missas a 25% da capacidade do público. A decisão do magistrado – que proíbe Estados e municípios de suspenderem completamente as celebrações religiosas presenciais – destoa de outras decisões tomadas pelo STF, como a que garantiu autonomia para que governadores e prefeitos decretem medidas de isolamento.

A decisão do ministro foi tomada em ação movida pela Associação Nacional de Juristas Evangélicos (Anajure), que alega que a suspensão dos cultos e missas viola o direito fundamental à liberdade religiosa e o princípio da laicidade estatal. A Anajure questionou decretos de Estados e prefeituras de todo o País que suspenderam a realização de eventos religiosos.

Em uma decisão de 16 páginas, o ministro ainda apontou que diversas atividades essenciais continuam durante a pandemia, como o transporte coletivo. “É importante reconhecer que o transporte coletivo tem sido considerado essencial, a exemplo de mercados e farmácias ― que, de fato, o são. Tais atividades podem efetivamente gerar reuniões de pessoas em ambientes ainda menores e sujeitos a um menor grau de controle do que nas igrejas”, observou.

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD) já avisou que não vai seguir a decisão do ministro. “Em Belo Horizonte, acompanhamos o Plenário do Supremo Tribunal Federal. O que vale é o decreto do Prefeito. Estão proibidos os cultos e missas presenciais”, escreveu Kalil em seu perfil no Twitter. (ESTADÃO)

Morre ex-vice-prefeito de Conquista, Dr. Clóvis Assis


Faleceu  na noite deste sábado (03), em decorrência de complicações de saúde, o médico e ex-vice-prefeito de Vitória da Conquista, Dr. Clóvis Assis, aos 75 anos. Dr. Clóvis estava internado no Hospital IBR. A causa da morte não foi divulgada.

Filho de Romeu José de Assis e Nair Gomes de Assis, Clóvis Raimundo Gomes de Assis nasceu na cidade baiana de Juazeiro no dia 11 de dezembro de 1945. Ele ingressou no curso de Medicina da Escola Baiana de Medicina, em Salvador, em 1965, formando-se em 1971. Em 1972, se tornou professor de Química em Vitória da Conquista, atividade que exerceria até 1988.

Sua vida pública na cidade começou quando foi secretário municipal de Saúde e Bem-estar Social do município, entre os anos de 1978 e 1984. Foi, também, entre 1980 e 1984, diretor-médico do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS).

Ainda em 1980, tornou-se presidente da Associação Médica Brasileira, na Regional de Vitória da Conquista, ocupando o cargo até 1983. Em 1987 e 1988, foi diretor da 20ª Diretoria Regional de Saúde da Bahia.

Em outubro de 1990, elegeu-se deputado federal na legenda do Partido Democrático Trabalhista (PDT). Empossado em fevereiro de 1991, foi, naquele ano, titular da Comissão de Seguridade Social e Família. Em 1997, pelo PSDB, Dr. Clóvis Assis compôs a chapa da primeira gestão do prefeito Guilherme Menezes.

Dr, Clóvis também esteve à frente da Clínica de Urgência Pediátrica (Cupe), um dos principais hospitais pediátricos da região. Por quase 40 anos, a unidade de saúde prestou valiosos serviços à população conquistense.

Por meio de nota, a Prefeitura de Vitória da Conquista lamentou o falecimento do ex-vice-prefeito e decretou luto oficial de três dias. “Seja como médico ou como político, Dr. Clóvis deixa seu exemplo de dedicação ao município. Neste momento de dor, a prefeita Sheila Lemos e equipe se solidarizam com seus familiares e amigos”.

Covid-19: Coveiros, garis e taxistas entram para grupo prioritário de vacinação


A Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira (31), o texto-base do Projeto de Lei 1011/20, que estabelece prioridade para 16 grupos na vacinação contra a Covid-19.

Segundo o portal Uol, o deputado Eduardo Bismarck (PDT-CE) aceitou ponderação da relatora, deputada Celina Leão (PP-DF), e transferiu essa votação para a próxima semana por divergências sobre como fazer a votação dos destaques apresentados.

O texto original do projeto, do deputado Vicentinho Júnior (PL-TO) e outros, inclui nos grupos prioritários os caminhoneiros autônomos e profissionais do transporte de cargas e mercadorias. As divergências sobre como fazer a votação dos destaques apresentados.

Já o texto-base da relatora também prioriza trabalhadores de transporte coletivo rodoviário e metroviário; pessoas com doenças crônicas e que tiveram embolia pulmonar e agentes de segurança pública, desde que comprovem atividade externa.

Após a apresentação de emendas em Plenário, Celina Leão incluiu os profissionais do Sistema Único de Assistência Social (Suas); das entidades e organizações de assistência social e os conselheiros tutelares que prestam atendimento ao público; os trabalhadores da educação do ensino básico em exercício nos ambientes escolares; os coveiros, atendentes e agentes funerários; os profissionais que trabalham em farmácias; os oficiais de Justiça; os taxistas e os mototaxistas; e os profissionais de limpeza pública.

O texto-base também enquadra no grupo prioritário os profissionais de saúde e funcionários que trabalham em ambiente hospitalar; as pessoas com deficiência; as pessoas idosas; e os indígenas.

Mas, ainda segundo o Uol, essas pessoas estão, de certa forma, contempladas na prioridade do plano de imunização, que divide a população prioritária em 27 categorias, começando com pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas; pessoas com deficiência institucionalizadas; povos indígenas vivendo em terras indígenas; trabalhadores de saúde; pessoas de 80 anos ou mais; e assim sucessivamente.

A população prioritária estimada é de cerca de 77 milhões de pessoas. O PL altera a Lei 14.124/21, sobre regras para a compra de vacinas, o registro perante a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a aplicação das doses conforme o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19. (Bahia Notícias)

Governo da Bahia libera academias e proíbe bebidas alcoólicas; Confira novas mudanças no Decreto


Após reunião do governador Rui Costa com os gestores municipais, na tarde desta quinta-feira (1º), o Governo do Estado e prefeituras fizeram mudanças nas restrições vigentes. As medidas serão publicadas na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta sexta-feira (2). Um das novidades é a redução do toque de recolher, que passa a valer das 20h às 5h, em todo o estado, no período de 5 a 12 de abril.

Os estabelecimentos comerciais e de serviços deverão encerrar as atividades com até 30 minutos de antecedência do início da restrição de circulação de pessoas, que é das 20h às 5h, para garantir o deslocamento dos funcionários e colaboradores às suas residências.

Os estabelecimentos comerciais que funcionem como restaurantes, bares e congêneres deverão encerrar o atendimento presencial às 18h, permitidos os serviços de entrega em domicílio (delivery) de alimentação até as 24h.

A circulação dos meios de transporte metropolitanos deverá ser suspensa das 20h30 às 5h, no período de 5 de abril até 12 de abril.

Fica proibida, em todo o território da Bahia, a venda de bebida alcoólica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery), das 18h de 9 de abril até as 5h de 12 de abril.

Também segue proibida, em todo o estado, a prática de quaisquer atividades esportivas coletivas amadoras do dia 5 de abril até 12 de abril, sendo permitidas as práticas individuais, desde que não gerem aglomerações.

Fica autorizado, em todo o território baiano, o funcionamento de academias e estabelecimentos voltados para a realização de atividades físicas, de 5 de abril até 12 de abril, desde que limitada a ocupação ao máximo de 50% da capacidade do local, observados os protocolos sanitários estabelecidos.

Ficam suspensos eventos e atividades, em toda a Bahia, independentemente do número de participantes, ainda que previamente autorizados, que envolvam aglomeração de pessoas, tais como: eventos desportivos coletivos e amadores, cerimônias de casamento, eventos recreativos em logradouros públicos ou privados, circos, eventos científicos, solenidades de formatura, passeatas e afins, bem como aulas coletivas em academias de dança e ginástica, durante o período de 5 de abril até 12 de abril.

Os atos religiosos litúrgicos poderão ocorrer, desde que, cumulativamente, sejam atendidos os seguintes requisitos: respeito aos protocolos sanitários estabelecidos, especialmente o distanciamento social adequado e o uso de máscaras; instalações físicas amplas, que permitam ventilação natural cruzada; limitação da ocupação ao máximo de 30% da capacidade do local.

Os meios de transporte metropolitanos aquaviários obedecerão às normas editadas pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba). A circulação dos ferry boats deverá ser suspensa das 20h30 às 5h, no período de 5 de abril a 9 de abril. Fica proibido o funcionamento nos dias 10 e 11 de abril.

A circulação das lanchinhas deverá ser suspensa das 20h30 às 5h, de 5 de abril a 12 de abril, e limitada a ocupação ao máximo de 50% da capacidade da embarcação no período de 10 e 11 de abril.

Ficam autorizados, durante os períodos de restrição previstos no decreto, os serviços necessários ao funcionamento de toda e qualquer atividade industrial, do setor eletroenergético, das centrais de telecomunicações (call centers) que operem em regime de 24h e dos Centros de Distribuição e o deslocamento dos seus trabalhadores.

Bahia lidera ranking dos estados que mais vacinaram contra a Covid-19


A Bahia assumiu a liderança do ranking entre os estados que mais vacinaram a população contra a Covid-19. Ao todo, já foram imunizados 11,15% dos baianos, totalizando 1.985.406 doses de vacinas aplicadas.

Levantamento junto a secretarias de Saúde aponta que 18.584.301 pessoas tomaram a primeira dose e 5.223.544 a segunda, num total de mais de 23,8 milhões de doses aplicadas. Foram aplicadas mais de 1 milhão de doses em 24h, um recorde desde o começo da vacinação.

De acordo com o consórcio do G1, O Globo, Extra, Estadão, Folha e UOL, em segundo lugar está o Mato Grosso do Sul com 405.757 e em tercerio lugar aparece o Rio Grande do Sul com 1.477.028 doses.

Fonte: Bahia Notícias