[CONQUISTA]: Mulher é condenada a pagar 1 mil reais por estacionar na porta de garagem


Um advogado ganhou nesta quinta-feira (24) uma causa na Justiça por ser impedido de entrar no próprio escritório onde trabalha em Vitória da Conquista. O defensor, identificado como Bruno Sondreny de Oliveira Santos, disse que precisou esperar cerca de 3h30 até poder entrar no local devido ao espaço ficar obstruído. Havia um veículo na frente.

Segundo o Blog do Rodrigo Ferraz, a sentença da juíza Arlinda Sousa Moreira, da 1ª Vara Cível dos Juizados Especiais da comarca local, considerou que o dano moral foi “indiscutível pelo comportamento praticado pela ré ao estacionar o seu automóvel na garagem de um edifício comercial, impedindo a passagem de outros veículos, dentre eles o do demandante, acarretando os prejuízos extra patrimoniais relatados pelo autor na exordial”.

O caso ocorreu em abril deste ano. A ré, que não teve o nome divulgado, terá de pagar uma indenização de R$ 1 mil.