Semob diz que vai “intensificar” transporte público e CDL pede que lojistas escalonem horários dos funcionários


A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Vitória da Conquista emitiu uma nota no início da noite desta quinta-feira (19) informando que após solicitação da entidade a Prefeitura, por intermédio da Secretaria de Mobilidade Urbana (SEMOB) se comprometeu a “intensificar” o transporte público para que diminuir a aglomeração de pessoas nos pontos de ônibus, tendo em vista que os mesmos só estão autorizados a transportar passageiros sentados.

A Prefeitura não esclareceu ainda de que maneira vai “intensificar” o transporte público.

A CDL também solicitou que os donos de lojas escalonem os horários dos colaboradores.

 

Prefeitura de Feira de Santana (BA) decide fechar o comércio


O prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins (MDB), anunciou, na tarde desta quinta-feira (19), que o comércio do município será fechado por sete dias a partir do próximo sábado (21). A decisão foi tomada após reunião com empresários da cidade.

Segundo Colbert, apenas os serviços essenciais continuarão funcionando em Feira de Santana. Após os sete dias, será feita uma nova avaliação. Essa medida tem sido tomada em diversos países da Europa, para conter a disseminação do novo coronavírus (Covid-19).

Feira de Santana possui cinco casos confirmados do Covid-19 e foi um dos primeiros municípios a tomar decisões para prevenir a contaminação, como o cancelamento da tradicional micareta da cidade, que ocorreria entre os dias 23 e 26 de abril.

[CONQUISTA]: Hospital São Vicente suspende temporariamente cirurgias eletivas


A direção médica do HSVP – Hospital São Vicente de Paula –  recomendou a suspensão temporária de procedimentos cirúrgicos eletivos, excetuando-se casos em que possa haver prejuízo aos pacientes pela questão tempo dependente, com avaliação prévia.

O motivo é por conta da situação de saúde relacionada ao COVID-19 e em consonância com as recomendações da ANS e CFM.

Uma nota oficial institucional será enviada aos coordenadores e setores envolvidos.

Fonte: Carolina Oliveira Santos/CRM 21629-/Direção técnica Hsvp

Rui diz que pacientes com sintomas leves do coronavírus serão transferidos para o Fazendão


O governador Rui Costa (PT) anunciou, nesta quinta-feira (19), que irá transferir para as instalações do Fazendão, cedidas pelo Esporte Clube Bahia, os pacientes diagnosticados com Covid-19 que não precisam de tratamentos complexos.

Segundo o governador, o local já foi inspecionado pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia e está apto para receber os pacientes.

Veja publicação do governador no Twitter:

Veja como sacar até R$ 1.045 do abono salarial do PIS/Pasep, liberado nesta quinta


A Caixa Econômica Federal inicia nesta quinta-feira (19) o pagamento do Abono Salarial – Programa de Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) para os trabalhadores que trabalharam com carteira assinada em 2018. O PIS será liberado para quem nasceu em maio ou junho. O Pasep estará disponível para funcionários com final de inscrição 8 ou 9.

Vai receber o benefício quem ganhou, em média, até dois salários mínimos por mês. O pagamento é de até um salário mínimo (R$ 1.045) e varia de acordo com o tempo trabalhado. Se o beneficiado trabalhou durante o ano todo, receberá um salário mínimo. Caso tenha trabalhado um mês, ganha 1/12 do mínimo.

Calendários

Para empregado em empresa privada

Para funcionário público

 

O calendário de saques segue o mês de nascimento dos trabalhadores do PIS e o número de inscrição no Pasep. O saque pode ser feito até 30 de junho de 2020. Quem tem conta individual na Caixa e está com dados atualizados e movimentação já deve ter recebido o dinheiro do abono do PIS na conta na última terça-feira (11)

O saque do abono salarial acontece todos os anos e é diferente do resgate das cotas do fundo PIS/Pasep, que só vale para quem trabalhou entre 1971 e 1988.

Quem tem direito a sacar o abono?
Quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2018
Quem ganhou, no máximo, dois salários mínimos, em média, por mês
Está inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos
É preciso que a empresa onde trabalhava tenha informado os dados corretamente ao governo
Como saber se tenho direito?
PIS:
No Aplicativo Caixa Trabalhador
Aba “Consultar pagamento” no site da caixa (www.caixa.gov.br/PIS)
Pelo telefone de atendimento da Caixa: 0800 726 0207
Pasep:
Pelos telefones da central de atendimento do Banco do Brasil: 4004-0001 (capitais e regiões metropolitanas); 0800 729 0001 (demais cidades) e 0800 729 0088 (deficientes auditivos)

[COVID-19]: Prefeitura suspende interdição da Olívia Flores aos domingos para a prática de exercícios físicos


A Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista informou que, a partir deste domingo (22), a Avenida Olívia Flores não vai ser fechada para a prática de exercícios físicos e atividades de lazer.

A mudança está de acordo com o Decreto nº 20.193, de 19 de março de 2020, que estabelece medidas temporárias de prevenção ao Coronavírus (Covid-19). A decisão tem validade pelo prazo de 15 dias.

 

Bono Vox escreve canção em homenagem a profissionais de saúde; Ouça!


O vocalista da banda de rock irlandesa “U2”, Bono Vox, lançou uma nova música que, segundo ele, foi inspirada nos médicos italianos que trabalham nos hospitais em meio à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2).

Bono, no piano, tocou a canção no piano em publicação no perfil oficial da banda no Instagram. A música foi intitulada “Let your love be known” (“Deixe seu amor ser conhecido”).

“Para os italianos que a inspiraram…para os irlandeses…para quem no dia de São Patrício está em uma situação difícil e ainda cantando. Para os médicos, enfermeiros, prestadores de cuidados na linha de frente, é para vocês que estamos cantando”, escreveu Bono na publicação. (mais…)

[COVID-19]: Número de suspeitos em Vitória da Conquista sobe para 25


Até às 22h dessa quarta-feira (18), foram notificados 35 casos com suspeita clínica e epidemiológica de infecção pelo Novo Coronavírus (COVID-19) em Vitória da Conquista, de acordo com boletim atualizado divulgado hoje (19) pela Vigilância em Saúde. Desse total, 10 foram descartados laboratorialmente e 25 aguardam análise das amostras coletadas.

A Diretoria de Vigilância esclarece que o aumento do número de casos foi motivado após a ampliação dos critérios de definição de casos suspeitos, que agora inclui viajantes que, nos últimos 14 dias, retornaram de áreas onde já acontece transmissão comunitária, como São Paulo e Rio de Janeiro. A adoção do novo critério foi orientado pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde (CIEVS/BA), na noite da última terça-feira (17). (mais…)

Globo responde à provocação de Bolsonaro e exibe 5 minutos de panelaço


 

 

Na longa entrevista que concedeu junto com oito ministros e o presidente da Anvisa, na tarde desta quarta-feira (18), o presidente Jair Bolsonaro mencionou duas vezes os protestos que estavam programados para a noite. Nas duas ocasiões, provocou a Globo.

Disse ele: “Eu espero, como o Jornal Nacional vai fazer a cobertura do panelaço às 20h30, que o Jornal Nacional anuncie que, às 21h, terá um panelaço a favor de Jair Bolsonaro também, talkey? Estou aguardando ansiosamente. Hoje vou assistir a TV Globo, coisa que eu não faço há muito tempo”.

O JN respondeu à provocação com uma edição caprichada. Os protestos mereceram quatro reportagens, num total de 4 minutos e 40 segundos. A primeira, mais longa, exibiu por 2 minutos e meio, sem interrupção, vídeos caseiros de panelaços em diferentes cidades do país contra Bolsonaro.

Antes de exibir a segunda reportagem, o apresentador William Bonner disse: “Também agora há pouco, mas em número bem menor, houve manifestações a favor de Bolsonaro”. E lembrou: “Durante a coletiva, no Palácio do Planalto, ele mesmo mencionou por duas vezes o horário para o qual elas estavam sendo convocadas: 9 da noite”. Durou apenas 30 segundos a exibição de vídeos em defesa do presidente.

Em seguida, o JN mostrou mais 30 segundos de vídeos de panelaços contra o presidente ocorridos enquanto Bolsonaro participava da coletiva, à tarde. E, por fim, o telejornal lembrou, em reportagem de mais de um minuto, que na terça-feira à noite já havia ocorrido panelaços contra o presidente em diferentes cidades.

Outra grande reportagem foi anunciada de forma bem irônica por Bonner: “Durante a entrevista coletiva, o presidente e os ministros deram uma aula aos brasileiros de como não usar uma máscara”. Seguiram-se cinco minutos de registros dos erros cometidos por Bolsonaro e seus auxiliares e lições sobre como usar corretamente uma máscara de proteção (veja vídeo abaixo)


Por fim, vale mencionar um incidente que ocorreu durante uma reportagem de Giovanna Telles – uma música tocada em eventos do PT foi captada pelo microfone, enquanto a jornalista falava. Minutos depois, Bonner pediu desculpas ao público e disse:

“Um esclarecimento. Agora há pouco, durante a entrada ao vivo da repórter Giovana Teles, de Brasília, sobre a reunião entre os chefes de poderes no Palácio do Planalto, um manifestante tocou uma música que normalmente é usada em comícios do PT. O som foi captado involuntariamente pelo microfone da repórter enquanto ela relatava a reunião de Bolsonaro com Toffoli. Nós pedimos desculpas aos telespectadores”.