[CASO HIAGO]: Delegado acredita que adesivo de aplicativo ao lado do corpo foi para despistar investigações


Jovem que trabalhava como motorista de app e desapareceu ao sair para fazer corrida é encontrado morto na Bahia — Foto: Reprodução/Redes Sociais

 

Um crime brutal e com requintes de crueldade. Assim foi a execução do estudante de odontologia Hiago Evangelista Freitas, de 24 anos. Hiago trabalhava como motorista do aplicativo Uber e desapareceu desde a última quarta-feira (06). Seu corpo foi encontrado em um terreno próximo do Conjunto Penal de Vitória da Conquista e estava parcialmente carbonizado, com uma perna decepada.

O carro do estudante foi encontrado na Rua Corrente, localizada no bairro Alto Maron em Vitória da Conquista. Entre as rotas identificadas pela polícia, o veículo passou pelos bairros Patagônia e Morada Real. Fabiano Aurich, delegado responsável pelo caso, acredita que Hiago tenha sido sequestrado. Os locais apontados pelo aplicativo estão sendo inspecionados pela polícia local.

Um adesivo de aplicativo foi encontrado ao lado do corpo de Hiago sob uma pedra, o que levou pessoas a cogitarem a possibilidade de sua execução estar ligada à rivalidade entre concorrentes de serviços de transporte de passageiros. Horas depois do corpo de Hiago ter sido encontrado, foram compartilhados áudios nas redes sociais afirmando que o caso tivesse relação com disputas entre motoristas de aplicativo e taxistas. Para o delegado as afirmações, além de não terem procedência, são inconsequentes. (mais…)

Assassino diz que “vozes” mandaram esfaquear e tentar degolar criança de 5 anos


O suspeito de matar a facadas uma criança de 5 anos na porta de uma escola em Betim, Minas Gerais, foi ouvido na tarde dessa quarta-feira (30/10/2019) pelo delegado titular da Delegacia de Homicídios de Betim, Otávio de Carvalho. Ele confessou que, depois de esfaquear Ieda Isabella Manoel Peres, deixou o local, mas decidiu retornar cerca de dez minutos depois para arrancar fora a cabeça da menina, mas foi dominado e agredido pela população que ficou revoltada. As informações são do jornal O Tempo.

No depoimento, o homem contou que saiu de casa logo cedo com uma faca de cozinha e, quando a vitima passou na rua com a babá, acertou o primeiro golpe nas costas da menina. A mulher tentou defender a criança e ele, ainda assim, desferiu mais três golpes no tórax e na região do pescoço de Ieda. A criança morreu no local. (mais…)

Além de prestar queixa, ex-assessor diz que processará Marcell Moraes por calúnia


Após prestar queixa contra o deputado Marcell Moraes (PSDB), por tentativa de homicídio, seu ex-assessor Lucas Carvalho de Matos afirmou que processará o tucano, além de Vanessa Silva Pontes, apontada como pivô da confusão.

Marcell diz que amigos seus bateram em Lucas porque ele teria agredido Vanessa, apontada pelo ex-assessor como amante do deputado. Os dois foram exonerados do gabinete do tucano na Assembleia Legislativa.

“Irei entrar com ação de denunciação caluniosa contra ela e ação de calúnia contra ele, por divulgar no Instagram dele essa denúncia”, afirmou Lucas ao bahia.ba. (mais…)

PM e mais dois são presos por suspeita de atirar em homem após beijo gay


Foto: Bruno Wendel/Arquivo CORREIO

 

Suspeitos de envolvimento na tentativa de homicídio de um rapaz que beijou o namorado em um bar de Camaçari, Fredson Silva de Castro, Maurício Ferreira de Jesus e José Carlos Novaes Souto Neto tiveram os mandados de prisão temporária cumpridos na cidade da Região Metropolitana de Salvador (RMS).

As investigações da 18ª Delegacia (Camaçari) resultaram na prisão de Fredson, Maurício e José Carlos nesta sexta-feira (1). O trio tem envolvimento na agressão e tentativa de homicídio do ajudante de cozinha Marcelo Macêdo, 33 anos, ocorridas no bar no dia 20 de outubro.

“Os três foram identificados como autores dos crimes e teriam sido motivados por homofobia, após presenciarem a vítima beijando o companheiro”, informou a titular da 18ª –  delegada Thais Siqueira (mais…)

Homem morre dentro de motel em Conquista


Foto: Blog do Léo Santos

 

Um homem morreu dentro do estacionamento de um motel em Vitória da Conquista, BA na noite desta terça-feira (29). De acordo com informações do Blog do Rodrigo Ferraz, Manoel Messias foi encontrado sem vida dentro do seu carro.

No momento desta postagem o  Departamento de Polícia Técnica ainda se encontra no local fazendo o levantamento cadavérico.

A causa da morte ainda não foi informada, mas não há aparentemente indícios de homicídio.

(Matéria em atualização)

 

 

[CONQUISTA]: Saidão de Finados vai contemplar 168 detentos


O saidão de finados vai beneficiar 168 presidiários em Vitoria da Conquista a partir de hoje. Segundo informações, os internos deixaram as celas na manhã de hoje e vão retornar após o fim de semana.

A medida contempla presos que cumprem pena no regime semiaberto e que têm autorização de trabalho externo, saídas temporárias ou que já saíram em datas comemorativas nos outros anos.

Para usufruir do saidão, o detento precisa de autorização nominal emitida pela Vara de Execuções Penais de Vitoria da Conquista. Quem não retorna no horário previsto é considerado foragido e, se recapturado, pode perder o direito ao regime semiaberto – e por consequência, aos saidões futuros.

Primo acusa deputado Marcell Moraes de agressão; Ouça o áudio


Um homem que se identificou como assessor e primo do deputado Marcell Moraes denunciou ter sido agredido pelo parlamentar, dentro de um apartamento, em Salvador, nesta quinta-feira (24). Ao site BNews, Lucas Carvalho contou que é advogado e assessor parlamentar de Marcell.

Lucas explicou que estava no trabalho quando recebeu uma mensagem do deputado pedindo para ele ir até o apartamento, com quem vive com a amante, em Armação. Ao chegar no local, quatro assessores do parlamentar já estariam na residência. Marcell teria perguntado se Lucas já tinha “ficado” com a amante do parlamentar.

“Eu perguntei para ele que loucura é essa. Ele pegou Vanessa, que estava no quarto, puxando pelos cabelos, e perguntou: ‘Vanessa, você ficou ou não ficou?’. Ela, aos prantos, ele tinha cortado o cabelo dela, ela gritava aos prantos: ‘ficou, ficou’. Eu falei: ‘nunca fiquei, que loucura é essa Vanessa?’. Ele olhou pra mim e disse: ‘agora você vai morrer, eu vou te matar.'”, contou o assessor. (mais…)

[CONQUISTA]: ‘Botão do Pânico’ é apresentado à Rede de Proteção e Atenção à Mulher


O Botão do Pânico é um dispositivo eletrônico de proteção para mulheres amparadas pela Lei nº 11340/2006 (Lei Maria da Penha). Ele funcionará permitindo que a vítima acione a Central de Monitoração, através de um botão, caso visualize a aproximação do agressor que está sob efeito de medida protetiva.

Para apresentar o equipamento, o Núcleo de Monitoração Eletrônica, da Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização da Bahia participou, nesta terça-feira (22), da reunião ordinária da Rede de Proteção e Atenção à Mulher em situação de Violência de Vitória da Conquista, no Centro de Referência Albertina Vasconcelos (Crav). (mais…)

[VÍDEO]: Prisco e policiais do movimento paredista afirmam ter sido vítimas de atentado


Vídeos que passaram a circular nas redes sociais desde a noite desta terça-feira (15), mostram o Deputado Soldado Prisco (PSC) sendo socorrido após um suposto atentado a tiros ocorrido no bairro Liberdade em Salvador. Desde a semana passada, o parlamentar e Presidente da Associação dos Policiais e Bombeiros Militares e seus Familiares (Aspra), lidera um grupo de policiais que tentou mobilizar a corporação para adesão de uma greve geral, mas não logrou sucesso.

A  Polícia Civil apura o caso. Segundo uma fonte da Civil, ninguém foi ficou ferido com arma de fogo, mas com estilhaço de vidro. Os autores do suposto atentado ainda são desconhecidos.

Na manhã desta quarta-feira (16), todas as sedes da Associação dos Policiais e Bombeiros Militares e seus Familiares (Aspra) em Salvador e no interior do estado foram interditadas por determinação da Justiça baiana e estão sendo alvo de uma operação deflagrada  pelo Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA). De acordo com a SSP-BA, Polícias Civil e Militares cumprem mandado de busca e apreensão.

A decisão da Justiça de interditar a Aspra atendeu a pedido formulado pelo MP-BA, que sustentou que a entidade tem realizado assembleias incitando movimento paredista da classe dos policiais, afrontando o artigo 142 da Constituição Federal, e causando grave risco à segurança pública e à coletividade.

A operação acontece na capital, Alagoinhas, Barreiras, Feira de Santana, Guanambi, Ilhéus, Irecê, Itaberaba, Itabuna, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Paulo Afonso, Porto Seguro, Santa Maria da Vitória, Santo Antônio de Jesus, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira de Freitas e Vitória da Conquista. Além da interdição e da busca e apreensão de documentos, computadores e dinheiro, também foi determinado o bloqueio das contas da entidade. Vinte promotores de Justiça participam da ação.

Investigação aponta transferências de R$ 148 mil das contas da Aspra para Prisco

O site Metro1 teve acesso com exclusividade às movimentações bancárias da Associação de Policiais e Bombeiros e de seus Familiares do Estado da Bahia (Aspra), investigadas após denúncias de associados sobre supostos desvios de valores. No documento, foram apontadas transferências bancárias de R$ 148 mil para a conta do coordenador-geral da Associação e deputado estadual Soldado Prisco, entre 2010 e 2013. O caso é tratado com sigilo pela Justiça.

Outras movimentações atípicas também são consideradas suspeitas, como a transferência de aproximadamente R$ 700 mil para filiais da associação em cidades do interior baiano. A suspeita é que esse dinheiro tenha sido utilizado em campanhas políticas de pessoas ligadas a Prisco no interior.

As apurações começaram em 2015, após ex-servidores e colaboradores, alguns deles PMs, relatarem a falta de transparência financeira da Aspra. O caso passou a ser apurado pelo Ministério Público da Bahia (MP-BA).

Uma das testemunhas, que trabalhou como assessor de Prisco na Câmara de Vereadores de Salvador e na Assembleia Legislativa da Bahia, relatou em depoimento que a Aspra não possui balanço dos valores arrecadados. “Fiz dois depósitos de R$ 10 mil na conta de Prisco e ele mandava eu falar que era do salário dele, se por acaso alguém perguntasse”, diz uma das testemunhas ouvidas no processo.

Em seu relato, a testemunha afirmou ainda que presenciou o deputado, o coordenador financeiro e a chefe de gabinete saírem algumas vezes da agência do Banco do Brasil, no bairro de Porto Seco Pirajá, na capital baiana, onde fica a conta da Aspra, com quantias dentro de mochilas.

Questionada, a Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) confirmou a existência de denúncias envolvendo o desvio de verbas da Aspra, mas explicou que não pode passar informações, pois o caso corre em sigilo de Justiça.

Outro lado
Procurado pela reportagem, o parlamentar descaracterizou a denúncia e apontou suposta atuação do Governo do Estado no processo. “O governo do PT precisa ter mais inteligência. Não estou envolvido em Lava Jato, em roubo, em nada. Quem está envolvido é o povo do PT. Isso já morreu. Já está enterrado”, afirmou.

Ainda de acordo com o coordenador da Aspra, há, pelo menos, três semanas, a suposta denunciante tentou extorquir integrantes da associação. “Para desmascarar. Essa testemunha é usuária de drogas. Queria R$ 200 mil e não achou. Está devendo ao tráfico e pediu dinheiro. A Secretaria da Segurança está usando um usuário de drogas para extorquir um deputado. É triste essa situação”, protestou.

O parlamentar aproveitou para criticar o inquérito policial militar que investiga a conduta de militares ligados ao deputado estadual em ataques a ônibus e bancos. Para Prisco, o objetivo do MP, assim como do Governo, é desestabilizar o movimento e colocar a população baiana contra os militares.

“Já disse e repito, não temos, nem eu ou qualquer outro diretor da Aspra ligação com atos de vandalismos. Muito irresponsabilidade do órgão soltar uma nota marginalizando uma categoria que já é demais sofrida e atacada pelo sistema”. Ele reforçou que não há comprovação de que pessoas ligadas ao movimento estariam atacando prédios comerciais e viatura.

Com informações do Bahia Notícias e Metro 1

[CONQUISTA]: Homem é preso por se masturbar dentro de van coletiva


Foto ilustrativa

 

Um homem de 36 anos foi preso em flagrante após se masturbar dentro de uma van, na cidade de Vitória da Conquista, sudoeste da Bahia, na tarde de quinta-feira (10).

De acordo com a Polícia Militar da cidade, Edenilton Santos Santana foi denunciado por uma das passageiras e pelo motorista do veículo. Não há detalhes do tipo de transporte feito pela van.

A PM informou ainda que foi o próprio condutor que levou o suspeito até a sede da 78ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), que fica no bairro Kadija. (mais…)