Famílias que tiveram barracos derrubados pela prefeitura foram cadastradas em programas sociais


Equipes da prefeitura de Vitória da Conquista cadastraram em programas habitacionais as famílias que tiveram os imóveis derrubados pela Secretria de Infra Estrutura, na quinta-feira (24), em programas habitacionais. O cadastramento se deu na sexta-feira, após as demolições.

O grupo considerou a iniciativa da prefeitura de inscrever as famílias em programas habitacionais como tardia. A dona de casa Elenilza Lima conta que a vai reconstruir a barraca, porque não tem para onde ir e todos os integrantes da família dela estão desempregados.

“Na minha família são nove filhos mais sete filhos e três genros, todo mundo desempregado. O objetivo da gente é vencer, ganhar essa terra, para que a gente possa estar trabalhando”, disse a dona de casa.

Um homem identificado como Juscelino, morador do local, contou que os tratores chegaram por volta das 6h da manhã e derrubaram as casas improvisadas no local, surpreendendo a todos.

“Chegaram de manhã já empurrando tudo, sem respeitar ninguém, nem crianças, nem família de ninguém, não deixou tirar nada. Foram empurrando tudo”, falou o homem, que conta que é catador de reciclagem e não tem condições de pagar aluguel.

A prefeitura de Vitória da Conquista informou que, meses atrás, tomou ciência da ocupação, e que houve denúncias de que os ocupantes estariam comercializando terrenos no local. Disse também que fez contato em varias oportunidades com os ocupantes da área, solicitando que eles saíssem, o que não aconteceu.

Os moradores do local, entretanto, negam essa versão. Eles dizem que não houve nenhuma venda terrenos, que não foram avisados para sair e que foram eles que procuraram a prefeitura para tentar uma solução permanente para a situação deles.

Um outro morador do local, identificado como Ednaldo, afirmou que, em reunião com a prefeitura, foi garantido que eles poderiam ficar na área.

“A gente tem ata de que eles nos garantiram que a gente poderia ficar aqui, e que ia mandar a documentação para o setor jurídico, para ver de que forma iriam ser assentadas as famílias, se seria aqui ou em outro local”, afirma.

Fonte: G1 Bahia.


Prefeitura e Sicoob promovem palestra para jovens sobre educação financeira


A Prefeitura de Vitória da Conquista, por meio da Coordenação Municipal da Juventude, em parceria com o Instituto do Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob), está promovendo a palestra online “Empresas Humanizadas, Juventude e Cooperativismo Financeiro”. O evento acontece no dia 1º de julho, às 15h, e faz parte da Semana do Cooperativismo 2021, uma promoção do instituto, junto a todas as Cooperativas do Sistema Sicoob.

A Semana do Cooperativismo tem como finalidade difundir a cultura cooperativista e dar visibilidade às boas práticas implementadas pelas cooperativas do Brasil. Este ano tem como tema “Cooperar: Poder que transforma vidas”. Os interessados em participar podem fazer a inscrição nos dias 29 e 30 de junho, no link abaixo:

Oficina de Educação Financeira“Se Liga nas Finanças” (Parceria Coordenação da Juventude – PMVC e SICOOB)

https://www.pmvc.ba.gov.br/prefeitura-e-sicoob-promovem-palestra-online-para-jovens/


Boletim Covid: 31 novos casos e nenhum óbito de conquistense neste sábado (26)


Com 31 novos casos confirmados neste sábado (26), a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) contabiliza 31.791 casos de Covid-19 em Vitória da Conquista, com 30.834 já recuperados e outros 420 que ainda seguem em recuperação (60 internadas e 360 em tratamento domiciliar).

Não houve registro de óbito de morador do município neste sábado (26), mantendo-se o total de 537 pessoas que faleceram em decorrência de complicações da doença.

Ainda de acordo com o Boletim epidemiológico, 1.515 casos notificados por suspeita que aguardam classificação final por investigação clínico-epidemiológico e/ou laboratorial.

Ocupação de Leitos – Neste momento, 89 pacientes estão internados em parte dos 148 leitos disponíveis (78 enfermarias e 70 leitos de UTI) na rede SUS para tratamento de pacientes confirmados ou com suspeita de infecção pelo novo Coronavírus.

Além de moradores de Vitória da Conquista, também estão internados residentes dos seguintes municípios: Anagé, Barra do Choça, Belo Campo, Brumado, Caetité, Cândido Sales, Carinhanha, Condeúba, Guanambi, Ibicoara, Ibicuí, Ibipitanga, Iguaí, Itapetinga, Ituaçu, Jânio Quadros, Jequié, Jussiape, Livramento de Nossa Senhora, Maetinga, Macaúbas, Paratinga, Planalto, Poções, Rio de Contas, Rio do Pires, Salvador, Tanhaçu, Tanque Novo e Tremedal.

Clique aqui para acessar o boletim completo.

Call Center – A Secretaria Municipal de Saúde disponibiliza um Call Center para tirar dúvidas da população sobre a Covid-19 e atender pessoas que apresentem sintomas suspeitos.

Telefones fixos: (77) 3429-3468/3429-3469/3429-3470
Celulares: (77) 98834-9988 / 98834-9900 / 98834-9977 / 98834-9911 / 98856-4242 / 98856-4452 / 98856-3722/ 98825-5683/ 98834-8484
Call Center Noturno: (77) 98856-3397/98856-5268


Zona Azul começará a cobrar a partir de quinta, 01


O estacionamento rotativo Zona Azul passará a ser cobrado em Vitória da Conquista a partir desta quinta-feira (01). A operação é da responsabilidade da empresa Estacionamento Digital, que faz parte da multinacional Valid, especializada em identificação, e que venceu a licitação realizada pela Prefeitura.

Serão 1.696 vagas, distribuídas na região central e na área do Ceasa. O controle de rotatividade será realizado no período diurno, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e aos sábados das 8h às 13h, já na região do CEASA a operação inicia mais cedo, às 6 horas da manhã. As tarifas serão cobradas por períodos de 1 hora – carros (R$ 1,75) e motos (R$ 0,53).

Uma grande vantagem para os usuários digitais que realizarem compra de crédito pelo site ou pelo aplicativo é o benefício de fracionar o tempo de permanência em períodos de 10 minutos. Ele ativa 1 hora, e quando sair da vaga, basta utilizar o botão “parar alocação” e recebe de volta o valor não utilizado, em frações de 10 minutos. Tempo mínimo de permanência, 20 minutos.
Já as vagas de carga e descarga serão reservadas e custarão o mesmo valor das demais, caso seja utilizada mais de uma vaga, será preciso pagar por cada uma delas.

Este serviço será totalmente digital e os usuários poderão escolher a forma de utilizar o estacionamento rotativo. A opção mais simples, e 100% online, é pelos canais da Estacionamento Digital: site (www.estacionamentodigital.com.br) e aplicativo, disponível para Android e iPhone. O processo é simples: basta efetuar o cadastro, comprar créditos e começar a usar para pagar pela zona azul.

Há ainda a opção de compra avulsa de tickets que poderão ser adquiridos diretamente com os monitores do Estacionamento Digital que estarão circulando pelas ruas da cidade ou em um dos postos da rede credenciada da empresa.

Vale destacar que a forma de pagamento pelo site e aplicativo é muito mais simples e rápido e os usuários podem adquirir créditos por meio de cartão de crédito e débito, boleto, ou ainda, com PIX. Já a compra avulsa com monitores ou em pontos de venda podem ser pagos com cartão de débito e crédito, PIX ou em dinheiro.

Uma novidade no estacionamento rotativo é a Alocação Automática que pode ser autorizada pelo aplicativo. Caso o usuário não realize a ativação do estacionamento, o monitor da operadora ou o veículo de fiscalização poderá ativá-lo ao fiscalizar, desde que o usuário tenha créditos na conta.

Segundo Alano Branco, diretor da Estacionamento Digital, utilizar a modalidade digital para o uso da zona azul facilita o dia a dia dos usuários e traz benefícios, tais como agilidade, segurança, débito automático e controle total sobre os pagamentos. Além disso, os motoristas que utilizam o aplicativo recebem lembretes no celular avisando alguns minutos antes do vencimento do estacionamento e permite a renovação do período, também podem consultar históricos de forma simples e prática.

“Por ser um aplicativo muito simples e intuitivo, ele auxilia a vida diária dos cidadãos e permite uma melhor gestão do uso de recursos para o município. É a tecnologia colaborando para a transformação digital não apenas de Vitória da Conquista, mas de todo o país”, destaca.

Mais informações: www.estacionamentodigital.com.br/vitoria-da-conquista
Ascom/Estacionamento Digital


Covid-19: Circulação da variante P1 aumenta de 80 para 85% em todas as regiões da Bahia


O sequenciamento de 305 genomas do vírus da covid, até o último dia 19 de junho, revelou que 23 linhagens diferentes do sars-cov-2 circulam de forma simultânea no estado da Bahia ao longo do tempo, com predominância de circulação da P1 em 85% das amostras, segundon informações da Sesab

A P1 é caracterizada como uma cepa mais agressiva do ponto de vista da transmissibilidade e possibilidade de agravamento mais rápido da infecção. Os dados sugerem que a mobilidade humana representa um fator crucial para a dispersão do vírus da covid 19 e das novas variantes.

Enquanto a remessa de vacinas não atinge o ritmo necessário para interromper o ciclo de infecções e reinfecções, medidas como distanciamento social, uso de máscara e higiene frequente das mãos ainda são as melhores formas de frear o contágio e a dispersão do vírus, evitando assim que ele se multiplique e se modifique a cada transmissão, evitando o surgimento de novas cepas.

Fonte: Sesab


Transporte intermunicipal volta a funcionar com 70% da capacidade neste sábado


O transporte coletivo intermunicipal rodoviário e hidroviário volta a funcionar, em toda a Bahia, a partir das 5h deste sábado (26). A circulação, a saída e a chegada dos transportes estavam suspensas até a próxima segunda-feira (28), mas o Governo do Estado decidiu antecipar o funcionamento para este sábado (26).

Para evitar aglomeração, a ocupação deve ser limitada a 70% da capacidade do transporte até o dia 4 de julho. Não será permitida a disponibilização de transportes extras.

A medida, que será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (26), vale para qualquer transporte coletivo intermunicipal rodoviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans, assim como ferry boats, catamarãs, lanchinhas e balsas.

A fiscalização do decreto é de responsabilidade da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações (Agerba).


Médico conquistense morre em acidente de carro na Chapada Diamantina


O jovem médico Hermínio Vitor Amaral de Aguiar, de apenas 24 anos, morreu de forma trágica na madrugada desta quinta-feira (24), após um acidente automobilístico no percurso entre as cidades de Rui Barbosa e Itaberaba, na região da Chapada Diamantina.

Vitor, como gostava de ser chamado, era natural de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, e se formou em Medicina na Universidade Salvador (Unifacs).

Dr. Hermínio  já colaborou com as Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) e a Maternidade José Maria de Magalhães Neto, em Salvador, trabalhava atualmente na Prefeitura de Ibiquera, a qual divulgou nas redes sociais uma nota de pesar pela perda: “Com imensa tristeza comunicamos o falecimento do Dr. Hermínio Vitor. A Prefeitura de Ibiquera manifesta seu apoio e condolências a familiares e amigos(as), bem como agradece a todos os serviços prestados ao município.”

A Ordem dos Advogados do Brasil Subseção de Vitória da Conquista manifestou através de nota, o profundo pesar pelo falecimento do médico Hermínio Vitor Amaral de Aguiar, filho de Hermínio Aguiar e de Sandra Rúbia Matos Amaral, e irmão da servidora federal Lívia Amaral Flores, lotada na 2ª Vara Federal de Vitória da Conquista, que, antes da investidura no cargo público foi inscrita como advogada nesta Subseção.

O velório aconteceu hoje (25), na sede da OAB-Conquista, localizada na rua Rotary Club, 103 – Centro. O sepultamento foi no Cemitério Memorial das Acácias, às 15h. Em nome da Subseção, a Diretoria da OAB-Vitória da Conquista presta condolências aos familiares e amigos.

Com informações do site Alo Alo Bahia


Vacinação contra a covid-19 para faixa etária de 49 anos começa neste sábado (26) em Conquista


Vacinação contra a Covid-19: pessoas de 49 anos ou mais, gestantes, puérperas e lactantes recebem 1ª dose neste sábado (26)

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) informa que com a chegada de 6.876 doses de vacina contra a Covid-19, está garantida mais uma etapa da vacinação com a 1ª dose neste sábado (26), das 9 às 17 horas, ou até quando durar o estoque.

A vacinação será oferecida para qualquer cidadão residente em Vitória da Conquista, com 49 anos ou mais, além de gestantes, puérperas e lactantes – com 18 anos ou mais e acontece nos pontos fixos: quadra esportiva da Fainor (Candeias) e Colégio Paulo VI (Ibirapuera), ou nos drive-thrus na UFBA (Candeias) e no Comando de Policiamento da Região Sudoeste (CPRSO) – Kadija.

Para garantir a 1ª dose, basta levar o documento pessoal com CPF e comprovante de residência de Vitória da Conquista. As gestantes, puérperas e lactantes devem observar a documentação comprobatória que também precisa ser apresentada no momento da vacinação. Os documentos necessários para gestantes são cópia impressa do laudo ou relatório médico e caderneta da gestante; e para puérperas e lactantes é a certidão de nascimento do bebê.


Prefeitura derruba barracos em assentamento na madrugada do São João


No feriado de São João desta quinta-feira, famílias que ocupavam um terreno da prefeitura em um assentamento nas proximidades da estrada da Barra, foram supreendidos por volta de 5 da manhã com a chegada de tratores que demoliram todos os barracos contruídos por eles próprios e que abrigavam homens, mulheres e crianças, inclusindo idosos.

De acordo com os moradores, não foi dado a eles tempo hábil para retirar seus pertences e até mesmo animais teriam sido foram mortos na ação. O terreno da prefeitura foi ocupado por eles há cerca de 40 dias. Eles alegam não terem condições financeiras de pagar aluguel, alguns trabalham com a reciclagem de lixo. Os barracos eram forrados com lonas e plásticos, sustentados por madeiras.

Ainda de acordo com os assentados, nem mesmo tiverem tempo de retirar alimentos doados ao grupo. Um dos moradores disse que havia avisado à Prefeitura que iriam ocupar o local por não terem onde ficar e que não houve aviso por parte da Prefeitura de que seriam despejados. “Chegaram de manhã aí, já empurrand tudo, não respeitaram criança, nem ninguém, nem nada, não deixou tirar nada, foi empurrando tudo”, diz Juscelino, que estava ocupando o local e trabalha com reciclagem.

Por meio de nota a Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista disse que a ação de desocupação da área do município foi feita dentro da lei, cumprindo o poder de polícia que lhe cabe e que os líderes do movimento conhecimento de que não poderiam permanecer no local.

“A ação se deu de forma pacífica, com o acompanhamento da Guarda Municipal de Vitória da Conquista, sem que pessoas ou animais tenham sido atingidos fisicamente”, diz a nota.

Ainda de acordo com a Prereitura a equipe de fiscalização da Secretaria de Infraestrutura de Urbana (Seinfra) foi mais de uma vez à área, solicitando a desocupação do terreno e equipes técnicas da Secretaria de Desenvolvimento Social (Semdes) estiveram no local para garantir a atenção às cerca de 20 famílias ocupantes, mas foram proibidas de fazer o seu trabalho.

A Prefeitura de Vitória da Conquista reiterou que não houve acordo com o movimento para a sua manutenção na área, e que o conhecimento de que estava ocorrendo comercialização de lotes, agravando a irregularidade, exigiu a urgência da desocupação.

“Por fim, a Prefeitura de Vitória da Conquista, reafirma que as secretarias municipais estão abertas ao diálogo para encontrar, junto com a sociedade, a solução para os problemas sociais que se agravaram com a pandemia”, diz a nota.

Fotos: Reprodução TV Sudoeste

VEJA A MATÉRIA DA TV SUDOESTE


Mutirão vacina mais de 4 mil conquistenses e estoque da 1ª dose acaba


No mutirão de vacinação realizado pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), nesta terça-feira (22), mais de quatro mil pessoas foram vacinadas em Vitória da Conquista e o estoque de vacinas para 1ª dose chegou ao fim, por volta das 20h, em todos os pontos de vacinação, antes do horário previsto para o encerramento (22h).

Com o fim do estoque, nesta quarta-feira (23) vai acontecer somente para aplicação da 2ª dose da AstraZeneca/Oxford.

A prefeita Sheila Lemos foi conferir de perto o trabalho no drive-thru da Ufba e conversou com algumas pessoas que estavam recebendo a 1ª dose no local, chamando a atenção quanto aos cuidados preventivos, mesmo depois de vacinadas, como o uso de máscara, álcool em gel e evitar aglomeração.

A prefeita destacou o trabalho feito pela SMS, que tem à frente a secretária Ramona Cerqueira e a enfermeira Camila Alves na Coordenação de Imunização.

Atuando diretamente na aplicação da vacina, a secretária municipal de Saúde, Ramona Cerqueira, comentou sobre o mutirão, que bateu o recorde de vacinados em um dia em Vitória da Conquista. “Hoje conseguimos vacinar mais de quatro mil pessoas, batendo o recorde de maior número de vacinados desde o início da campanha. Dessa forma, a gente consegue avançar com o objetivo de imunizar toda a nossa população”, destacou a secretária.

Umas das milhares de conquistenses já vacinadas, Patiane Nader, de 50 anos, descreveu o momento com um sorriso largo no rosto: “A espera aqui na fila foi mínima, o atendimento foi rápido e já estou vacinada. A expectativa é que dias melhores possam vir com a imunização de todos”

Durante boa parte do tempo em que a vacinação ocorreu no drive-thru da Ufba, uma banda de forró tocou para alegrar trabalhadores da Saúde e as pessoas que foram em busca da imunização

2ª DOSE – Nesta quarta (23), a 2ª dose para quem tem data de retorno agendada para os dias 23 e 24 de junho ou datas anteriores, vai ocorrer de 9h às 13h, no drive-thru no Comando de Policiamento da Região Sudoeste, no bairro Kadija, e nos seguintes pontos fixos para pedestres: ginásio da Igreja Nova Sião (Alto Maron), Colégio Paulo VI (Ibirapuera) e quadra esportiva da Fainor (Candeias).

Para retomar a vacinação da 1ª dose, a Secretaria Municipal de Saúde aguarda a reposição de novas remessas pelo Governo do Estado, ainda sem previsão.